Meridiano dai mai

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2371 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ISBN 978-85-61091-05-7
V EPCC
Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar
27 a 30 de outubro de 2009

ACUPUNTURA SISTÊMICA E ACUPUNTURA SISTÊMICA ASSOCIADA
AO VASO MARAVILHOSO DA CINTURA NO TRATAMENTO DOR
CRÔNICA: ESTUDO DE CASO
Ana Paula Serra de Araújo 1, Regina Bezerra da Silva2
RESUMO: O presente estudo teve por objetivo demonstrar a eficácia terapêutica do uso da técnicade
Acupuntura sistêmica e Acupuntura sistêmica associada ao Vaso Maravilhoso da Cintura no tratamento da
dor crônica e persistente mediante o estudo de único caso clinico. Os resultados obtidos demonstraram que
o tratamento proposto promoveu uma redução progressiva da intensidade da dor percebida e relada pela
voluntária participante do estudo através do uso da escala visual analógica (EVA),melhora da função
intestinal, com redução da sensação de distensão abdominal, da constipação intestinal e da insônia. Além
disso, observou-se durante as sessões de tratamento da voluntaria que durante todas as sessões em que
foi utilizado os pontos de Acupuntura Sistêmica associado a estimulação do Vaso Maravilhoso da Cintura
surgia uma área hiperêmica ao redor da cintura da voluntária quedescia pelo membro inferior em direção
ao pé, correspondente ao trajeto anatômico do Vaso Maravilho da Cintura. Pode-se concluir com o estudo
que o tratamento proposto foi adequado para o caso e que a formação da área hiperêmica deixou evidente
a ação da Acupuntura e a comprovação da existência a nível físico do Vaso Maravilhoso da Cintura.

Palavras – Chave: Acupuntura; Dor; Dor Crônica; VasoMaravilho da Cintura.

1 INTRODUÇÃO
Desde os tempos mais remotos, a dor é o sintoma mais freqüente e disseminado
entre os homens (CAUDILL, 1998). Definida como uma experiência sensorial e emocional
desagradável decorrente de uma lesão real ou potencial dos tecidos orgânicos. Que
geram um conjunto de manifestações subjetivas, que variam em termos de qualidade e de
intensidade para descreve - lá(SOFAER, 1996; CARVALHO, 1999; BRAGA; COUTO
ROSA; ARAUJO, 2004).
A dor é vista como parte integrante da vida, pois se encontra presente durante
todos os ciclos do desenvolvimento humano, desde o nascimento até a morte. Ao longo
da história da humanidade a dor tem sido basicamente dividida em aguda e crônica.
(CARVALHO, 1999). Quando aguda a dor tem a função de alerta e de defesa doorganismo, sua fisiologia é bem compreendida e o seu controle geralmente é possível.
Porém quando crônica seu diagnóstico é mais complexo, seu tratamento frequentemente,
não proporciona resultados satisfatórios e comumente apresenta múltiplas causas
biológicas, psicológicas e sociológicas que quando em conjunto e/ou isoladas causam

1

Fisioterapeuta graduada na Universidade Paranaense (UNIPAR),Pós-graduada em Terapia Manual e
Postural pelo Centro Universitário de Maringá (CESUMAR), Especialista e Pós-graduada em Acupuntura
pelo Instituto Brasileiro de Therapias e Ensino (IBRATE)/ Faculdade Estadual de Educação Física e
Fisioterapia de Jacarezinho, Paraná (FAEFIJA/PR).
2
Psicóloga, Especialista em psicologia transpessoal, Especialista e Pós-graduada em Acupuntura pelo
InstitutoBrasileiro de Therapias e Ensino (IBRATE)/ Faculdade Estadual de Educação Física e Fisioterapia
de Jacarezinho, Paraná (FAEFIJA/PR).
VI EPCC
CESUMAR – Centro Universitário de Maringá
Maringá – Paraná – Brasil

sensações dolorosas de intensidade variável que podem perpendurar por dias, meses e
anos (CAUDILL, 1998).
No caso especifico da dor crônica, sabe que este tipo de dor aparece pelo menosuma vez por mês, por mais de seis meses e que acomete cerca 40% da população
brasileira. Representando a principal causa de absenteísmo, licença médica e baixa
produtividade no trabalho (MINISTÉRIO DA SAÚDE, 2005). A dor crônica é considerada
como um grave problema de saúde pública, o qual ainda nos dias de hoje não se sabe ao
certo qual a é a forma mais eficaz para o seu tratamento. Porém...
tracking img