Memorial descritivo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (958 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Até a presente data não conhecia Memorial Descritivo. Mas o docente Urbano ao ministrar sua aula de Introdução ao Ensino Superior (I.E.S) me apresentou ao Memorial e na oportunidade solicitou que eue os demais discentes criasse o seu próprio memorial.
Antes de iniciar meu memorial além de ler as informações encaminhadas pelo professor achei que seria relevante pesquisar no dicionário qual adefinição de memorial. Segundo o Dicionário Aurélio, memorial é um escrito que relata fatos memoráveis, memórias.
Então segue os fatos importantes que contribuíram par minha formação, como pessoa,cidadã, mãe, esposa, filha, profissional e estudante.
Sou Fernanda Souza Fernandes, nascida em 1969 em Brasília, capital do Brasil. Porém, criada no Rio de Janeiro, especificamente na tão conhecida favelaCidade de Deus que prefiro dizer (comunidade de baixa renda). Local que morei dos 4 anos até 26 anos. Nesta comunidade, aprendi muito sobre a vida. Percebi que existe uma linha muito tênue entre osseus direitos e seus deveres no contexto de uma favela carioca.
Minha residência era muito carente e no mesmo lar morava eu minha jovem mãe e meu irmão dois anos mais novo do que eu. Foi uma fase muitodifícil, pois conheci diversos preconceitos passei dificuldades financeiras e até mesmo de alimentar. Mas também foi uma fase muito feliz, pois tive infância, pois tive a oportunidade de brincar demuitas brincadeiras de rua que hoje já não são comuns nos grandes centros. Brincadeiras que foram substituídas pelos equipamentos eletrônicos.
Apesar de muitas vezes não ter o alimento diário enecessário eu estudava numa escola particular. No Colégio José de Alencar fiz todo o ensino fundamental. Minha amada mãe pagava as mensalidades escolares com muita dificuldade, pois ela era camareira dehotel e ganhava muito pouco. Ela sempre priorizou a educação, por acreditar que a educação é a ponte para o desenvolvimento. Vale ressaltar que ela nunca nos orientou a estudar para ter dinheiro e sim...
tracking img