Medidas de volumes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1116 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
| Universidade Tecnológica Federal do ParanáCampus Campo MourãoCurso Superior de Licenciatura em Química |
| * | |


Jéssica Alberto dos Santos
Bruna Boger

Medidas de volumes aproximadas e precisas.


RELATÓRIO DE AULA EXPERIMENTAL



CAMPO MOURÃO
Março de 2012

Relatório de aula experimental apresentado à disciplina de Química Geral do curso deLicenciatura em Química da Universidade Tecnológica Federal do Paraná como requisito parcial para aprovação nesta disciplina.

Professora: Marcilene Ferrari Barriquello ConsolinRelatório de aula experimental apresentado à disciplina de Química Geral do curso de Licenciatura em Química da Universidade Tecnológica Federal do Paraná como requisito parcial para aprovação nesta disciplina.

Professora: Marcilene Ferrari Barriquello ConsolinCAMPO MOURÃO
Março de 2012

Resumo
De um modo geral para medidas aproximadas de volumes líquidos utilizam-se provetas, para medidas mais precisas usam-se pipetas, buretas, e balõesvolumétricos. A leitura do nível para líquidos transparentes deve ser feita na tangente do menisco e para líquidos escuros na parte superior do menisco. Essa observação nos mostra a precisão de cada material utilizado para as medidas de volumes.
Introdução
Nos trabalhos em laboratório, são utilizados instrumentos de medidas que possuem volumes líquidos com valores aproximados como a proveta, e deforma menos exata utilizam-se béqueres em escala. Já para medidas volumétricas mais precisas utilizam-se balões volumétricos, pipetas volumétricas e graduadas como também a bureta.
Os aparelhos volumétricos são calibrados a temperatura padrão de 20°C, portanto não devem ser colocados para secar na estufa, pois o vidro sofre dilatação e contração, provocando assim, erro na leitura do volume.
Oslíquidos são medidos em aparelhos denominados volumétricos com aferição de determinada capacidade de volume. São utilizados dependendo da necessidade de maior ou menor precisão. Na medida de volume de um líquido, compara-se seu nível com os traços marcados do aparelho. Lê-se assim o nível do liquido, baseando-se no menisco que é a superfície curva do líquido.
Para realizar a leitura de volume deuma solução líquida deve-se obedecer a posição do menisco, ou seja: soluções incolores por convenção a leitura se dá pela tangente do menisco inferior e para soluções coloridas pelo menisco superior. Dessa forma determina-se com precisão a leitura de volume de qualquer que seja a solução líquida.
Alguns dos erros mais comuns na leitura de volumes são:
* Leitura da graduação volumétrica obtidapela parte superior do menisco.
* Uso de instrumentos inadequados para medir volumes.
* Uso de instrumento molhado ou sujo.
* Formação de bolhas nos recipientes.
* Controle indevido da velocidade de escoamento.
* Erro de paralaxe.
Objetivo
Conhecer equipamentos e técnicas de medidas de volume em laboratório.
Parte Experimental
Materiais utilizados: Becker, Erlenmeyer,Proveta Graduada, Pipeta volumétrica e Pipeta graduada, Tubos de ensaio, Bureta, Pêra de Sucção, Suporte Universal.
Reagentes: Agua Normal (da torneira)
1° Procedimento:
Medimos 50 mL de agua em um Becker e transferimos para o Erlenmeyer. Anotamos o erro na escala, e em seguida transferimos a mesma agua para a proveta graduada, assim verificamos a sua precisão.
2° Procedimento:
Medimos 50 mL de...
tracking img