Medidas de massa e volume

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1331 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
MEDIDAS DE MASSA E VOLUMEUNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE
CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA
DEPARTAMENTO DE QUÍMICA

ÉDICA RAMONE ANDRADE
FERNANDA FARO
JOSÉ DEVISSON SANTOS
NAYARA FONTES
NILMARA DOS SANTOS


São Cristóvão
Maio, 2011
ÉDICA RAMONE ANDRADE
FERNANDA FARO
JOSÉ DEVISSON SANTOS
NAYARA FONTES
NILMARA DOS SANTOS

MEDIDAS DE MASSA E VOLUMERelatório apresentado como requisito
parcial de avaliação à professora Elaine
Cristina Lopes da disciplina Química
Experimental I, Turma M5, do curso deQuímica Industrial.

São Cristóvão
Maio, 2011
1 INTRODUÇÃO
O laboratório de Química é voltado para a realização de experiências que permitem a observação experimental da ocorrência de fenômenos físicos e químicos. Com isso o trabalho de laboratório visa estabelecer a relação entre a Química Teórica e a Química Prática, por meio de experimentosque envolvem idéias e conceitos discutidos em aula.
Num laboratório é essencial conhecer e utilizar corretamente todos os equipamentos existentes. Em particular, os instrumentos de medidas de volume, que devem ser usados de forma criteriosa, ou seja, de acordo com a prática experimental.
Muitas propriedades da matéria são quantitativas , isto é, associada a números. Amassa serve para medir a quantidade de material em um objeto . Utiliza-se a balança analítica para medir a massa de um objeto. Já o volume é dado pelo comprimento3 de um determindado objeto, ou recipiente e para medi-lo utiliza-se comumente buretas, provetas,pipetas e balões volumétricos. [*]
Neste trabalho pretende-se comparar o rigor de vários instrumentos de medida de volume de líquidos, atravésda determinação da exatidão e incerteza da medida a eles associada.O volume pode ser medido de maneira confiável com uma pipeta, uma bureta ou frasco volumétrico. O erro em uma medida é muitas vezes limitado pelo equipamento que é empregado na sua obtenção, e a precisão refere-se as diversas determinações de uma medida que pode ser precisa sem ser exata,devido a algum erro sistemático, mas que aprecisão de uma medida pode ser melhorada aumentando-se o número de determinação de uma medida e fazendo-se o valor médio da mesma. [**]

2 PARTE EXPERIMENTAL
2.1 Materiais e Reagentes:
* Proveta (capacidade: 25 mL) – Fabricante: Vidrolabor
* Proveta (capacidade: 50 mL) – Fabricante: Roni-Alzi
* Proveta (capacidade: 100 mL) – Fabricante: LENA
* Pipeta graduada ( capacidade:10 mL) – Fabricante: Roni-Alzi
* Pipeta volumétrica (capacidade: 5 mL) – Fabricante: Pifrex
* Balão volumétrico de fundo chato (capacidade: 50 mL) – Fabricante: JS
* Béquer (capacidade: 100 mL)
* Água destilada
2.2 Procedimento:
Medidas de Volume
Na primeira etapa mediu-se 5mL de água destilada em três vidrarias diferentes, com isso foram utilizadas a proveta (25 mL) uminstrumento preciso e, portanto, altamente recomendado para medição de líquidos, a pipeta (vidraria que mede com grande precisão uma quantidade estipulada de volume) graduada (10 mL), e a pipeta volumétrica (5 mL). Pode-se dizer que a pipeta volumétrica foi a mais precisa, já que esta possui como medida padrão 5mL.
Na segunda etapa mediu-se em uma proveta o volume de 50mL de água destilada sendotransferida, em seguida para um balão volumétrico de 50mL este utilizado para preparo de soluções e para medir com precisão um volume único e fixo descrito no balão, com isso foi observado um erro sistemático, o volume da água ficou abaixo do meniscu não podendo, assim, afirmar que a proveta é uma vidraria muito precisa, já que possui, no laboratório, vários fatores que influenciam na medição como a...
tracking img