Matematica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3417 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O Desenvolvimento Profissional do Professor de Matemática( Artigo publicado na revista Educação e Matemática, Nº 31, pp. 9-12 e 20 (1994).)





O professor é hoje visto como um elemento-chave do processo de ensino-aprendizagem. Sem a sua participação empenhada é impossível imaginar qualquer transformação significativa no sistema educativo, cujos problemas, de resto, não cessam de seagravar. As escolas, sujeitas ao apertado controlo do aparelho estatal, submetidas à concorrência dos mass media e debatendo-se com graves carências de meios humanos e materiais, vêem-se em grandes dificuldades para enquadrar a crescente diversidade dos alunos que têm de acolher, burocratizam-se e desumanizam-se. As dificuldades de emprego resultantes da recessão económica fazem aumentar a competição ea desmotivação entre os estudantes. Agrava-se o problema do insucesso escolar, particularmente grave na disciplina de Matemática.
Todos parecem concordar: o professor tem de ser chamado a desempenhar o papel de protagonista. Não é possível modificar a escola contra ele ou apesar dele. As reformas lançadas com pressupostos ingénuos acerca da forma de reagir dos professores — os principaisagentes que, ao fim e ao cabo, são chamados a pô-las em prática — não conduzem aos resultados pretendidos pelos seus promotores. A recente reforma do sistema educativo português, baseada na elaboração de um vasto “edifício jurídico” e não na responsabilização dos agentes no terreno é disso um exemplo bem significativo.
Mas quem é afinal o professor?
Para alguns, ele é basicamente um técnico com afunção de transmitir informação e avaliar a sua aprendizagem — utilizando para isso uma variedade de meios de ensino e de diagnóstico. Para outros, ele é um actor cujas crenças e concepções determinam a forma como desempenha as suas tarefas — nem sempre de modo muito concordante com a visão dos teóricos da educação nem com a vontade das autoridades educativas. E, para outros, o professor é umprofissional que procura dar respostas às situações com que se depara; é alguém que se move em circunstâncias muito complexas e contraditórias, que é preciso respeitar, valorizar e, sobretudo, que é preciso conhecer melhor.
O professor desenvolve o seu trabalho num ambiente cada vez mais agressivo — é facilmente posto em causa pelos alunos, pelos pais, pelos colegas, pelo Ministério e pela opiniãopública em geral. Toma muitas decisões no seu dia-a-dia, algumas das quais por vezes em momentos bem difíceis. Debate-se com uma infinidade de tarefas e papeis — educador, matemático, produtor de situações de aprendizagem, animador pedagógico, dinamizador de projectos, investigador, etc. Tem de saber usar uma variedade de recursos na concepção de situações de aprendizagem. Conduz e procura aperfeiçoara sua actividade de ensino. Tudo isto requer a mobilização de um saber e pressupõe a adopção de um quadro de valores profissionais que, muitas vezes, nem sequer são reconhecidos como importantes pelos próprios professores. A valorização do professor como profissional passa assim pelo estudo do conhecimento que informa a sua acção prática e da forma como este conhecimento se desenvolve ao longo dasua carreira, estudo que é necessário fazer tendo em conta a disciplina que ele ensina e as condições concretas em que é chamado a intervir nas escolas de hoje.

Conhecimento Profissional

Um contributo muito importante para o estudo do conhecimento profissional dos professores surge com o trabalho de Freema Elbaz (1983). Para esta autora, trata-se de conhecimento essencialmente prático queresulta da integração de saberes experienciais e saberes teóricos (relativos à sua disciplina de ensino, ao desenvolvimento da criança, à aprendizagem e à teoria social) “integrados pelo professor individual em termos de valores e crenças pessoais e orientados para a sua situação prática” (p. 5). Este conhecimento inclui assim a percepção de diferentes estilos de aprendizagem, interesses,...
tracking img