Marketing e os elementos promocionais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1298 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Elementos do Composto Promocional

. Conceito de Propaganda: A propaganda significa diferentes coisas para diferentes pessoas. É um negócio, é uma arte, uma instituição, e um fenômeno cultural. (Thomas C. O’Guinn; Cris T. Allen e Richard J. Semenik, Adversing Cincinnari, Ohio South Western College Publishing 1998.)
Propaganda – É uma veiculação paga de uma campanha de um anunciante que visapersuadir as pessoas a comprarem seus produtos e/ou serviços.
Uma comunicação é classificada como propaganda, quando:
1. A comunicação for paga.
2. A comunicação precisa ser entregue a uma audiência via uma mídia de massa.
3. A comunicação precisa ser persuasiva.
É importante observar que a propaganda pode ser uma informação persuasiva não apenas acerca de um produto ou serviço, mas tambémacerca de uma idéia, uma pessoa ou de uma organização como um todo.

Um político usa a propaganda para vender suas idéias aos seus eleitores; um religioso tenta contagiar os fiéis de sua ideologia; uma organização busca a obtenção de uma imagem favorável para sua marca empresarial.

Folha 02/07
Uma propaganda é parte de uma campanha publicitária que visa obter a simpatia para idéias, produtos,serviços e pessoas. Um anúncio é uma mensagem específica que uma organização adota para persuadir uma audiência. E, uma campanha publicitária é constituída de uma série de anúncios apresentados de forma coordenada e, eventualmente, associada a eventos promocionais que comuniquem um tema ou uma idéia.
A comunicação é fundamental para a vida social. Propaganda é comunicação.
Um dado muitointeressante sobre a repartição do bolo publicitário
TV aberta = 60%
TV fechada = 1%
Jornal = 22%
Revista = 9%
Rádio = 4%
Outdoo = 3%
Exterior = 2%
• Fonte: Meio e Mensagem – Intermeios 2000 – vendas aplicadas por região
Verbas aplicadas por regiões:
São Paulo = 37%
Sul do país = 16%
Rio de Janeiro = 12%
Nordeste e interior de São Paulo = 10%Sudeste = 8%
Cento-oeste = 6%
Folha 3/7rte = 2%
. Fonte: Meio e Mensagem – Intermeios 2000.

Os 10 maiores anunciante no Brasil são: 1. Gessy Lever, 2. Lopes Imíveis, 3. General Motors, 4. Renault, 5. Volksvagen/Seat, 6. Fiat, 7. Casas Bahia, 8. Embratel, 9. Itaú e 10. Coca-Cola. (Fonte: Mariplan Monitor – 2001)
Exemplos Locais: Lojas Perin, Casas Lira, Lojas calçados

***Quando a propaganda fala especificamente de benefícios de um novo produto, ou dos valores de cidadania que o uso do produto proporciona, as possibilidades de sucesso são maiores. Exemplo: “Compre este detergente que é biodegradável e não polui os rios...”. Associar a responsabilidade social do anunciante pode criar uma boa vontade para a marca anunciada.
Fonte: Livro Administração de Marketing noBrasil – autor:Marcos Cobra – pág. 292 e 294).

Conceito de Publicidade: É a inserção não paga de um texto jornalístico com pauta definida, onde são citadas empresas, marcas, produtos/serviços, em troca de um bem para a sociedade.
Por exemplo; quando um artigo sobre um determinado produto é publicado em um jornal ou revista, as características do produto são comunicadas ao público sem ônuspara a empresa.
Exemplo: Campanhas de Vacinação.

Folha 4/7
Exemplo local: Na Veja Norte saiu um artigo sobre as Festa Juninas de Boa Vista – RR, favorecendo obviamente o turismo da região, entretanto, não foi cobrado nenhum ônus.
Fone: Professora Eleonora Melo – Faculdade Cathedral

Conceito de Merchandising: É definido como toda a ação visando à exposição do produto no ponto de venda. Écolocar o produto certo, no lugar certo, no tempo certo, na exposição correta, no preço, na quantidade certa, e assim por diante.
Muitos confundem o aparecimento de produtos em novelas de televisão como merchandising, na verdade é uma corruptela da expressão, pois, em inglês, merchandising refere-se ao varejo. Como a televisão está se tornando interativa como um canal de vendas de produtos, a...
tracking img