Manual primeiros socorros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1439 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Índice

Kit de Primeiros Socorros 3
Emergência/Urgência 9
Situações de stress minor 9
Situações de stress minor com crianças 10
Compressão direta 10
Escoriações 11
Picadas e mordeduras 11
Hemorragia Nasal 12
Traumatismos oculares 12
Perda súbita de consciência 13
Convulsões 15
Convulsões febris 16
Asfixia 17
Eletrocussão 19
Queimaduras 20
Envenenamento e intoxicações 22
Suportebásico de vida em pediatria 24

Um kit de primeiros socorros deve estar sempre completo, ou seja, sempre que algo é utilizado deve de ser reposto logo que possível. Os materiais devem sempre ser mantidos em boas condições e dentro dos prazos de validade para que sejam eficazes e não prejudiciais.
Aqui fica a lista de materiais que não podem faltar numa mala de primeiros:
Luvas de látexdescartáveis
Compressas esterilizadas (de vários tamanhos)
Ligaduras com gaze esterilizadas
Ligaduras (de vários tamanhos)
Ligaduras elásticas
Adesivos
Pensos rápidos
Solução de iodopovidona dérmica (Betadine)
Soro fisiológico
Termómetro digital
4 pacotes de açúcar ou solução de glicose.
Esfingomanómetro (aparelho para avaliação de tensão arterial)
Gasevaselinada ou gaze gorda (para queimaduras)
Tesoura (para cortar roupa)
Pinça pequena (para retirar corpos estranhos das feridas)
Sacos de enjoo
Lenços triangulares (para suspensão de braço)
Alfinetes de ama
Manta térmica
Pomada para acalmar queimaduras (exemplo: Bepantol)
Cotonetes
Toalhetes para limpeza
Água Oxigenada
Podemos definir os Primeiros Socorros como uma sériede procedimentos simples que têm como objectivo resolver situações de emergência, feitas por pessoas comuns com esses conhecimentos, até à chegada de atendimento médico especializado. Os primeiros socorros são habitualmente mencionados em situações graves de emergência, embora sejam igualmente relevantes para casos como escoriações, lesões, picadas, etc...

Emergência/Urgência
Emergência médicaSituação que põe em causa a sobrevivência do indivíduo ou que lhe pode gerar incapacidade permanente grave.
Necessita de ser socorrido num curto intervalo de tempo (minutos).

Urgência
Situação que não pode ser adiada, mas que deve ser resolvida rapidamente.
Na medicina, ocorrências de carácter urgente necessitam de tratamento médico e muitas vezes de cirurgia.
Esta palavra vem do verbo“urgir” que significa “não aceita demora”.

Situações de stress minor
Stress = "desgaste" que o organismo sofre à medida que nos relacionamos com o meio em constante mudança.
O stress é benéfico ou prejudicial dependendo da forma como reagimos (adaptação que temos de fazer a diferentes circunstâncias da vida).
Minor = de pouca importância.

Situações de stress minor com as criançasPerturbações da consciência;
Dificuldade respiratória;
Ferimentos e perda de sangue;
Queimaduras;
Envenenamentos e intoxicações;
Lesões musculares e fracturas ósseas;
Corpos estranhos;
Mordeduras.

Compressão Directa:

Para tentar travar uma hemorragia externa, a compressão directa sobre a lesão é a forma mais simples, eficiente e a que sempre deve ser tentada em primeirainstância. Tal como o nome indica, consiste na compressão do ferimento, devendo o socorrista seguir os seguintes passos para executá-la da melhor forma:
Tapar todo o ferimento com um pano limpo ou com uma compressa esterilizada grossa. Podem também ser utilizados outros tipos de tecido, como, por exemplo, toalhas limpas ou pedaços de lençol. Colocar gelo ou uma compressa fria na ligadura para ajudara parar a hemorragia e diminuir o inchaço. Caso não haja nenhum pano limpo, utilize as suas mãos (deverá, nessas circunstâncias, utilizar luvas sempre que possível);
Comprimir com firmeza toda a zona ferida por 10 minutos, de forma ininterrupta. Enquanto faz essa compressão, eleve a zona lesionada acima do coração do acidentado. Se for caso disso, e se for possível, mude-o de posição;...
tracking img