Manejo Florestal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1698 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de janeiro de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto
Manejo Florestal
A melhoria tanto do manejo das plantações existentes quanto do desenvolvimento de novos plantios está no centro da Consulta Pública ao Padrão FSC/Slimf para Pequenos Produtores de Florestas Plantadas. Afinal, a certificação florestal deve garantir que a madeira utilizada em determinado produto é oriunda de um processo produtivo manejado de forma ecologicamente adequada,socialmente justa e economicamente viável, dentro do cumprimento de todas as leis vigentes. Desde que sua propriedade de reflorestamento seja manejada de forma sustentável, levando em consideração todos os fatores - inclusive o solo -, ela pode receber o selo FSC.
De acordo com a definição do FSC, o manejo florestal responsável é aquele que segue os seguintes princípios. Tais princípios desdobram-se emcritérios, e estes em indicadores, sendo o grau de detalhamento maior a cada nível.
O FSC Internacional elaborou novos princípios e critérios do padrão de certificação para o manejo florestal em pequena escala e de baixa intensidade em florestas nativas e/ou plantadas.

Florestas Nativas
Comparada à exploração convencional de florestas nativas, a exploração de impacto reduzido se destaca pelonível de planejamento prévio e também pela forma de execução da exploração que objetiva reduzir os impactos sobre as florestas.
A exploração de impacto reduzido tem suas atividades divididas em três fases distintas para cada ciclo de corte: pré-exploratórias, exploratórias e pós-exploratórias.
Atividades pré-exploratórias
Têm seu início um ano antes da exploração:
Definição dos talhões (ou UTs- Unidades de Trabalho -, ou ainda UP As - Unidades de Produção Anual), de 100 ha cada.
Abertura de trilhas para uso durante o trabalho dos inventaristas.
Parcelas permanentes: instalação e inventário contínuo; as parcelas permanentes, de 1 ha, servem para medir continuamente o estado do ecos sistema, o "pulso" da floresta. O primeiro monitoramento pós-exploratório se dá após I ano e, a seguir,a cada 5 anos até o ciclo seguinte, 30 anos depois. A FFT recomenda que se instale uma parcela permanente de 1 ha para cada talhão de 100 ha. É o dobro do que o Código Florestal Brasileiro estabelece.
Inventário florestal (100%) em cada talhão, todas as espécies comerciais e potencialmente comerciais, com DAP (Diâmetro à Altura do Peito) igualou superior a 35 cm, são inventariadas e têm sualocalização anotada.
Remoção de cipós durante a exploração, os cipós podem levar as árvores cortadas a tombarem sobre as outras, não selecionadas, causando perdas e danos desnecessários e aumentando o risco de acidentes.
Processamento dos dados coletados
Mapeamento: os mapas são as ferramentas básicas para todas as atividades.
Máquina Caterpillar com legenda: trator de esteiras D6M
Planejamento econstrução de infra-estrutura: a infra-estrutura permanente é composta de pátios, das estradas secundárias que os interligam e das estradas primárias utilizadas para o escoamento das toras até a indústria.
Atividades exploratórias
Seleção e sinalização das árvores a explorar: somente são derrubadas as árvores sadias, que não apresentem oco e com DAP igual ou superior a 45 cm; as árvores comdiâmetros inferiores são reservadas para o ciclo de corte seguinte, 30 anos depois, são as chamadas árvores remanescentes.Também são sinalizadas as árvores porta-sementes, que são preservadas e protegidas para garantir a continuidade da espécie.
Corte das árvores: a queda da árvore é ajustada de maneira a evitar que ela venha a danificar outras e a facilitar seu arraste. Este é o chamado cortedirecional.
Planejamento de arraste: estabelecem-se os ramais de arraste para levar as árvores extraídas, eventualmente após um primeiro traçamento, até o pátio.
Arraste das toras: as árvores são preferivelmente retiradas da floresta com um skidder de rodas por um ramal de arraste secundário, que leva até o ramal de arraste primário, e deste, até o pátio. Entretanto, sempre que essa operação...