Ludico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1490 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Alfabetização de Adultos e Conscientização
Instrumentação da Educação
A instrumentação da educação, mais que a simples preparação de quadros técnicos, depende da harmonia obtida entre a vocação ontológica do homem, um ser "situado e temporalizado", e as condições especiais desta temporalidade e desta situacionalidade. Quanto mais for levado e refletir sobre sua situacionalidade, sobre seuenraizamento espaço-temporal, maiior será sua consciência crítica de compromisso com a realidade, da qual, porque é sujeito, não deve ser simples espectador, mas deve intervir cada vez mais.
Por isso, a educação, para objetar um sujeito, deve estabelecer uma relação dialética com o contexto da sociedade à qual se destina, fugindo do falso dilema "humanismo-tecnologia", que poderia resultar na derrotana batalha do desenvolvimento, no lado humanista, ou na massificação, no lado tecnicista.
O Homem como um Ser de Relações
O homem não só está em, como está com a realidade, que é objetiva e com a qual ele se relaciona. Diferentemente de simples contatos, as relações do homem com a realidade guardam em si conotações de pluralidade, criticidade, conseqüência e temporalidade. A pluralidade envolvea reação do homem a uma ampla variedade de desafios do mundo, na medida em que não se esgota num tipo padronizado de resposta, mas busca a melhor resposta.
A sua capacidade de separar órbitas existenciais, de discernimento do tempo e de sua dimensão, permitiram ao homem tomar consciência de sua temporalidade e de sua historicidade, o que transforma suas relações com a realidade em algoconseqüente. E fugindo da mera passividade, o homem, criando e recriando, integrando-se às condições de seu contexto, lança-se no domínio que lhe é exclusivo, o da história e da cultura.
E essa integração, que se aperfeiçoa na medida em que o homem se faz crítico, lhe dá consciência de sua temporalidade. E é porque se integra na medida em que se relaciona, e não somente se julga e se acomoda, que o homemcria, recria e decide. E assim vai acrescentando algo ao seu mundo, vai temporalizando os espaços geográficos, faz cultura. E é este jogo criador que impede a imobilidade das sociedades e das culturas.
O Homem e a Sua Época
O jogo criador apresenta melhores resultados sempre que o homem, integrando-se no espírito das épocas históricas, se apropria de seus temas e reconhece suas tarefas concretasbaseando-se em uma atitude crítica. E uma época realiza-se na proporção em que seus temas forem captados e suas tarefas resolvidas, e se supera na medida em que os temas e as tarefas não correspondam a novas ansiedades emergentes. A passagem de uma época para outra caracteriza-se por fortes contradições que aprofundam entre valores emergentes e os valores do ontem.
A Transição
Esta passagem,denominada transição, apresenta um aspecto desafiador, tornando-se um tempo de opções. A transição implica na marcha concreta da sociedade na busca de sua objetivação, através não somente de meras mudanças, mas do surgimento de novos temas que vem substituir os antigos, que perdem sua significação. Nesta fase é indispensável a integração, o desenvolvimento de uma mente crítica, com a qual o homempossa se defender dos perigos de irracionalismos provenientes da emoção característica desta fase.
Brasil, Uma Sociedade em Transição
O Brasil vivia esta transição de épocas, de uma sociedade "fechada" para uma sociedade "aberta", da penetração de uma nova sociedade que se incorpora a uma velha. A velha tentam sobrepor a formação da nova sociedade, que por sua vez se opõe a vigência dos privilégioscontrários aos interesses do homem brasileiro.
Democratização Fundamental
Com a ruptura da sociedade e sua entrada em transição, o povo, até então imerso no processo como mero espectador, emerge ingênuo e desorganizado exigindo sua participação no processo. Em contraposição se agrupam forças reacionárias que se sentem ameaçadas em seus princípios.
Daí a necessidade de uma educação que, não...
tracking img