Lte - long term evolution

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3802 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
LTE (Long Term Evolution): A Evolução das Redes 3G Este tutorial apresenta os conceitos básicos do padrão LTE – Long Term Evolution, que representa a evolução das redes celulares 3G, oferecendo taxas de bits acima de 200 Mbit/s. Este tutorial foi produzido a partir do White Paper “Long Term Evolution (LTE): an introduction” elaborado pela Ericsson.

Categoria: Telefonia Celular Nível:Introdutório Duração: 15 minutos Enfoque: Técnico Publicado em: 16/02/2009

www.teleco.com.br

1

Edited by Foxit Reader Copyright(C) by Foxit Software Company,2005-2007 For Evaluation Only.

LTE: Introdução A banda larga móvel está se tornando uma realidade, e não apenas em casa ou no escritório. Além dos estimados 1,8 bilhão de pessoas que terão banda larga em 2012, cerca de dois terços serãoconsumidores de banda larga móvel – e a maioria será servida por redes HSPA - High Speed Packet Access e LTE - Long Term Evolution, uma evolução das redes 3G, capaz de oferecer velocidades acima de 200 Mbit/s. As pessoas já podem navegar pela Internet ou enviar e-mails usando notebooks com HSPA integrado, substituir seus modems DSL fixos por modems HSPA e enviar e receber vídeo ou música usandoterminais 3G. Com o LTE, a experiência do usuário será ainda melhor, pois acrescentará novas aplicações, como TV interativa, blogs de vídeo móvel, jogos avançados e serviços profissionais. O LTE oferece vários benefícios para os consumidores e operadores:
• Desempenho e capacidade: um dos requisitos do LTE é fornecer taxas de pico downlink de pelo

menos 100Mbit/s. A tecnologia permite velocidadesacima de 200Mbit/s e a Ericsson já demonstrou taxas acima de 150Mbit/s. Além disso, a latência deverá ser inferior a 10ms. Efetivamente, isso significa que o LTE – mais do que qualquer outra tecnologia – já atende aos principais requisitos de 4G. • Simplicidade: primeiramente, o LTE suporta portadoras com largura de banda flexível, de menos de 5MHz até 20MHz nos modos FDD - Frequency DivisionDuplex o TDD - Time Division Duplex. Dez faixas de espectro pareadas e quatro não-pareadas foram, até o momento, identificadas pelo 3GPP (3rd Generation Partnership Project) para LTE e há mais faixas em discussão a serem adicionadas em breve. Assim, uma operadora pode introduzir LTE em faixas ‘novas’, onde for mais fácil posicionar portadoras de 10MHz ou 20MHz e, assim, implementar o LTE em todas asfaixas. Em segundo lugar, produtos LTE terão diversos aspectos que simplificam a construção e gerenciamento das redes de próxima geração. Por exemplo, aspectos como instalação plug-andplay, autoconfiguração e auto-otimização simplificarão e reduzirão o custo de implantação e gerenciamento da rede. Em terceiro lugar, o LTE será implementado em paralelo com redes de transporte e núcleo baseado em IPsimplificados, nos quais a construção, manutenção e introdução de serviços são mais fáceis. • Ampla variedade de terminais: além dos telefones móveis, computadores e dispositivos eletrônicos incorporarão módulos LTE. Como o LTE suporta handover e roaming para redes móveis existentes, todos esses dispositivos podem ter cobertura de banda larga móvel ubíqua desde o primeiro dia. Em resumo, asoperadoras podem introduzir a flexibilidade do LTE para ir ao encontro dos objetivos de suas redes existentes, espectro e negócios para banda larga móvel e serviços multimídia.

www.teleco.com.br

2

Edited by Foxit Reader Copyright(C) by Foxit Software Company,2005-2007 For Evaluation Only.

LTE: Requisitos e Padronização Satisfazendo os Requisitos do Consumidor Como mencionado, espera-se queas assinaturas de banda larga atinjam 1,8 bilhão em 2012. Cerca de dois terços desses consumidores usarão Internet móvel. O tráfego de dados nas redes móveis está crescendo exponencialmente e, em alguns mercados já ultrapassou o de voz, o que coloca elevados requisitos sobre as redes móveis, hoje e no futuro.

Figura 1: Crescimento da banda larga 2005-2012. Fonte: OUVM, Strategy Analitics &...
tracking img