Logistica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2219 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNOESC CAMPUS APROXIMADO DE FRAIBURGO




severino











SUPRIMENTOS GLOBAIS





















FRAIBURGO

2011



AGOSTINHO DAL MAGRO

JULIO CESAR RODRIGUES DOS SANTOS







INCOTERMS







Trabalho sobre Incoterms, correspondente a nota de G1 do curso de Tecnologia em Logísticada Unoesc Campus aproximado de Fraiburgo como requisito parcial à obtenção do grau de tecnólogo em Logística.









Professor: Algacir Volpato





Fraiburgo

2011

Introdução



Neste trabalho vamos abordar que incotermssão simples contratos de exportação delegando responsabilidades de transporte podendo ser elas do exportador ou do importador, por isso são divididos em grupos, sendo eles grupo C, grupo D e grupo E grupo F, considera que ambas as partes entram e um consenso e decidem a forma que vai ocorrer esta exportação, sendo que o contrato este estabelecido terá que ser respeitado e comprido com todas asnormas nele existente.
Esses contratos podem ser do grupo E que considera o comprador como responsáveis pelos gastos de transportes podem ser pelo grupo F no qual a responsabilidade será inteiramente do importador em caso de perda ou dando. No grupo C o exportador e quem assumem a responsabilidade de perda ou dando, já com o grupo D a responsabilidade do exportador e ate o momento da entregada mercadoria no local de destino estipulado pelo importador. Considerado que para cada modal existe uma Incoterms.
Palavras Chaves: Exportação – Contratos - Responsabilidade
Sumário




1.0 - Definições Incoterms 4

2.0 - Grupo E – Entrega no estabelecimento do vendedor/ exportador 4

2.1 - EXW (Ex Works) 4

3.0 - Grupo F – Transporte principal não pago pelo transportador 53.1 - FCA (Free Carrier Point) 5

3.2 - FAS (Free Along Ship) 5

3.3 - FOB (Free On Board) 5

4.0 - Grupo C – Transporte principal pago pelo exportador 6

4.1 - CFR ou C&R (Cost and Freight) 6

4.2 - CIF (Cost, Insurance and Freight) 6

4.3 - CPT (Carriage Paid of) 7

4.4 - CIP (Carriage and Insurance Paid to) 7

5.0 - Grupo D – Entrega no local de destino 7

5.1 -DAF (Delivered at Frontier) 7

5.2 - DES (Delivered Ex Ship) 7

5.3 - DDU (Delivered Duty Unpaid) 7

5.4 - DDP (Delivered Duty Paid) 8

6.0 - Categorias dos incoterms 8

7.0 - Conclusão 9

8.0 - Referencias 10




1.0 - Definições Incoterms



Os chamados Incoterms (International Commercial Terms / Termos Internacionais de Comércio) servem para definir, dentro daestrutura de um contrato de compra e venda internacional, os direitos e obrigações recíprocas do exportador e do importador, estabelecendo um conjunto-padrão de definições e determinando regras e práticas neutras, como por exemplo: onde o exportador deve entregar a mercadoria, quem paga o frete, quem é o responsável pela contratação do seguro. Enfim, os Incoterms têm esse objetivo, uma vez que setrata de regras internacionais, imparciais, de caráter uniformizador, que constituem toda a base dos negócios internacionais e objetivam promover sua harmonia.
Na realidade, não impõem e sim propõem o entendimento entre vendedor e comprador para dividir os custos e a responsabilidade no transporte entre a figura do comprador e do vendedor, quanto às tarefas necessárias para deslocamento damercadoria do local onde é elaborada até o local de destino final (zona de consumo): embalagem, transportes internos, licenças de exportação e de importação, movimentação em terminais, transporte e seguro internacionais etc.
São similares a Convenção das Nações Unidas sobre Contratos Internacionais e Convenção das Nações Unidas para a Venda Internacional de Mercadorias. A primeira versão foi...
tracking img