Livro diario

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1313 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL DO ALTO URUGUAI - FACULDADE IDEAU BAGÉ
CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS














LIVROS DE ESCRITURAÇÃO





































BAGÉ, MARÇO DE 2013

sumário

1. introdução ............................................................................................... 3
2. LIVROSDIÁRIO E RAZÃO ........................................................................... 4

2.1 LIVRO DIÁRIO ............................................................................................ 5
2.1.2 AUTENTICAÇÃO ..................................................................................... 5

2.1.3LANÇAMENTOS....................................................................................... 5

2.1.4 TERMO DE ABERTURA E ENCERRAMENTO ....................................... 6

2.1.5 ORDEM DA DOCUMENTAÇÃO .............................................................. 6

2.2 RAZÃO ........................................................................................................ 6























1. INTRODUÇÃO:

AContabilidade está para a empresa – seja de grande ou pequeno porte – na mesma importância com que o plano de navegação está para o piloto e/ou navegante. Pilotar uma nave, independente do seu tamanho ou dos recursos viários, sem fazer plano de navegação, corre-se o risco de aporto forçado a qualquer momento e lugar; de conseqüências imprevisíveis, podendo implicar apenas um grande susto aospassageiros, como também, a total destruição da nave, com a morte de todos os usuários. Essa é a essência da Contabilidade: processo, ferramenta, controles, demonstrações, ou seja, instrumentos de gestão empresarial. Os pilares que constituem a essência da contabilidade podem ser resumidos em: escrituração, princípios, transparência, submissão às normas, qualidade nos serviços e ética profissional. Asconclusões aqui expendidas se aplicam indistintamente às empresas tributadas pelo Lucro Real, Lucro Presumido e/ou Arbitrado(mais modernamente), e ou, seja, pelas regras do Simples Nacional, ainda que no caso desta última opção a pessoa jurídica tenha praticado escrituração simplificada.






























2. LIVROS DIÁRIO E RAZÃO

O Diário e o LivroRazão constituem os registros permanentes da entidade Os registros auxiliares, quando adotados, devem obedecer aos preceitos legais da escrituração contábil, observadas as peculiaridades da sua função.

Observada esta disposição, admite-se:

• A escrituração do Diário por meio de partidas mensais;
• A numeração dos livros é sequencial, por tipo de livro, independente de sua forma (em papel,fichas, microfichas ou digital). Assim, caso o livro anterior, em papel, seja o de nº 20, o próximo (digital ou não) será 21. Os livros Diários Geral e Resumido devem ter a mesma sequência numérica. Os “Diários Auxiliares” devem ter numeração própria, sequencial, por espécie. O mesmo se aplica ao Razão Auxiliar. O Balancete Diário e Balanço substituem o diário, inclusive o seu período, porém aqueletem numeração própria. A sequencia da numeração anterior também vale para empresas que foram transferidas de algum Estado, transformadas ou vindas do cartório;
• Admite se, escrituração resumida ou sintética do "Diário", com totais que não excedam o período de trinta dias, relativamente a contas cujas operações sejam numerosas ou realizadas fora da sede do estabelecimento, desde que utilizadoslivros auxiliares regularmente autenticados, para registro individualizado, e conservados os documentos que permitam a sua perfeita verificação. Ele não pode coexistir, em relação a um mesmo período, com os livros: Diário Geral e Balancetes Diários e Balanço. É o livro Diário que obriga à existência de livros auxiliares. E deverá constar relação que identifique todos os livros auxiliares a ele...
tracking img