Livreto grundrisse

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 74 (18289 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
O futuro do trabalho
Elementos para a discussão das taxas de mais-valia e de lucro

Alexandre Souza da Rocha Amélia Luisa Damiani (cooRD.) Anselmo alfReDo Evânio dos Santos BRanquinho Flávia Elaine da Silva Jean Pires de Azevedo GonçalveS Luciano maRini Márcio Rufino Silva Ricardo Baitz

Programa de Pós-graduação em Geografia Humana, DG, FFLCH, USP

O futuro do trabalho
Elementos para adiscussão das taxas de mais-valia e de lucro*
A composição do grupo de estudo dos Grundrisse, no LABUR Laboratório de Geografia Urbana -, não se resume aos nomes que aparecem na capa, tendo sido composto por diversos membros, dentre os quais agradecemos, especialmente, Ana Cristina Mota Silva, que desde o início participou do grupo de estudos, e muitos outros. Ao Luciano, a partir de quem tudoaconteceu
Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) ALFREDO, Anselmo; BAITZ, Ricardo; BRANQUINHO, Evânio dos Santos; DAMIANI, Amélia Luisa; GONÇALVES, Jean Pires de Azevedo; MARINI, Luciano; ROCHA, Alexandre Souza da; SILVA, Flávia Elaine da e SILVA, Márcio Rufino. O futuro do trabalho: Elementos para a discussão das taxas de mais-valia e de lucro. São Paulo: AGB/SP, Labur/Programa dePós-graduação em Geografia Humana, Departamento de Geografia, FFLCH/USP, 2006, 1ª edição. 72 páginas ISBN 85-99907-01-8 Coordenação do projeto: Amélia Luisa Damiani Diagramação Final: Paulo Miranda Favero e Ricardo Baitz. Foto: Ricardo Baitz (em deriva do presente grupo em Campos Elíseos, São Paulo, janeiro de 2006) 1. Mais-valia. 2. Lucro. 3. Crise do trabalho. 4.Crise do Capital. 5. Título.
*Este texto tem como principal apoio a obra que Karl Marx: Elementos fundamentales para la crítica de la economia política (Grundrisse) 1857-1858 (México: Siglo Veintiuno, 1977, volumes 1 e 2). Neste artigo citaremos os textos com a numeração alemã. A palavra “Grundrisse” significa “anotações”, “rascunhos”. Esta obra foi publicada, tardiamente, em 1953. Nos Grundrisse os conceitos aparecem emelaboração, o que passa a ser metolodogicamente fundamental, evitando, com esse modo de exposição, leituras dogmáticas. Atualmente, esses estudos são reconhecidos como um marco na análise da crise inerente à formação econômico-social capitalista.

O FUTURO DO TRABALHO
Elementos para a discussão das taxas de mais-valia e de lucro

1. APRESENTAÇÃO
Este texto é parte de um processo de debatesobre os Grundrisse de Karl Marx, realizado no Laboratório de Geografia Urbana - LABUR - do Departamento de Geografia, da Universidade de São Paulo. Ele tem como finalidade encontrar elementos para o estudo de nossa sociedade, neste momento em que ela demonstra uma crise do trabalho. Trata-se de um texto provisório, de uma discussão em andamento. Num primeiro momento, para nós, esta crise apareceucomo crise do emprego. Assim, fomos debater a extensão do desemprego na mundialidade. Foi esta porta de entrada que nos levou a estender o sentido de nossa observação: o desemprego é real e, ao mesmo tempo, aparência, de um fenômeno ainda mais amplo, a crise do trabalho, de modo geral. Trata-se de uma crise de emprego reveladora de que o processo do capital inclui, junto com a necessidade dotrabalho, a sua destituição, negação. Para compreender essa crise foi preciso tentar aprofundar os estudos da dinâmica do capitalismo, focalizando a relação capital-trabalho. Chegamos à consideração de que a consciência do processo como um todo envolvia o conhecimento da relação e da diferença entre a mais-valia e o lucro e nosso esforço aqui é começar a explicá-los. Através destas categorias deanálise do capitalismo, revelar mais profundamente qual é a nossa situação social. Procuramos, há tempos, em Marx, uma compreensão mais teórica de tudo que está acontecendo, definindo, assim, a possibilidade de aprofundar o tema do desemprego, indo além do que parece evidente. A discussão do texto pelos trabalhadores é parte necessária de sua constante elaboração. Apresentamos este estudo aberto à...
tracking img