Lingua de eulalia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (673 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE BILAC

COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO

COMPONENTES DO GRUPO

Bruna Lúcia de Oliveira
Camila Rocha
Gene Kelly Moreira
Iris Maximiano
Jéssica Gonçalves
Júlia Moreno

Trabalhoapresentado como requisito de aprendizagem para a disciplina COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO do curso de PEDAGOGIA da Faculdade Bilac.
Orientadora: Profª Msc. Gissele Bonafé Costa

SÃO JOSÉ DOS CAMPOS – SP 2012Não é errado, é PNP.
A língua e suas particularidades.

BAGNO, Marcos. A língua de Eulália. Novela sociolinguística: 17ed. São Paulo: Editora Contexto, 2011.

Publicada pela EditoraContexto, a obra do autor Marcos Bagno: “A Língua de Eulália”, é uma novela sociolingüística, composta de vinte e dois capítulos referentes à língua portuguesa.
O livro traz a história de Vera,estudante de letras; Silvia, estudante de Psicologia; e Emília, estudante de Pedagogia, que moram em São Paulo e, nas férias de julho, decidem ir para Atibaia, na casa da Tia de Vera, a Sra. Irene,professora universitária de língua portuguesa e linguística.
Nessa viagem, o autor narra discussões sobre o percurso histórico do português, partindo da língua falada por Eulália, empregada de Irene,que as jovens universitárias julgam como errada. De maneira clara, Marcos Bagno leva o leitor a interpretar o português não padrão (PNP) e ressalta que o uso do mesmo não é errado, mas difere dasnormas cultas vistas na norma padrão.O autor também visa a compreensão por parte do leitor do português padrão (PP).
Com o objetivo de romper o preconceito linguístico, surgem então aulas em que aexperiente professora Irene explica para as jovens professoras que habitualmente julgamos que outras pessoas falam errado por usarem o PNP e nisso estamos sendo precipitados, pois o que se fala é umalíngua portuguesa diferente das regras de gramática que habitualmente conhecemos.

De acordo com o livro, a Língua de Eulália, fica muito claro que a língua portuguesa não se resume apena a...
tracking img