Linfoma

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3078 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Linfomas
Os linfomas são um grupo de doenças que se originam nas células do sistema linfático. Este sistema é constituído de órgãos e tecidos que produzem, armazenam e distribuem os glóbulos brancos do sangue que combatem a infecção e outras doenças. Fazem parte deste sistema a medula óssea, os linfonodos (gânglios ou ínguas) e os vasos linfáticos (vasos que carregam a linfa, como as veiascarregam o sangue).
O Linfoma é o câncer que surge quando uma célula do sistema linfático normal se transforma em uma célula maligna, crescendo descontroladamente e disseminando-se pelo organismo. Esta doença se caracteriza, em geral, pelo aparecimento de ínguas que crescem mesmo quando não há infecção. Há dois grandes grupos de linfomas:
- Linfoma de Hodgkin;
- Linfoma não-hodgkin;
Sãoclassificados conforme o grupo de células que sofre a malignização e passa a se reproduzir rápida e desorganizadamente.

Linfoma de Hodgkin
O termo utilizado para descrever essa doença tem contexto histórico. O linfoma de Hodgkin foi assim chamado devido à descrição de vários casos em 1832 por Thomas Hodgkin, os quais foram reconhecidos como uma nova condição maligna que envolve os linfonodos. Foiaproximadamente 40 anos mais tarde que um novo conceito de linfoma (originalmente denominado linfossarcoma), diferente do linfoma de Hodgkin, foi proposto por Virchow, Conheim e Billroth, três proeminentes médicos do final do século XIX.
O linfoma de Hodgkin geralmente se dissemina de uma cadeia para outra de maneira ordenada por meio dos vasos linfáticos, chegando aos gânglios linfáticos.(http://pt.wikipedia.org/wiki/Linfoma_de_Hodgkin)
O termo ¨linfoma de Hodgkin¨ (LH), compreende um grupo de neoplasias linfóides que diferem dos linfoma não-hodgkin em vários aspectos. O Linfoma de Hodgkin surge em um único linfonodo ou em uma cadeia de linfonodos e se propaga primeiro para os linfonodos contíguos anatomicamente.
Embora a sua origem seja desconhecida, têm surgido evidências que adoença de Hodgkin é na verdade um tumor maligno do sistema imunitário, e não uma infecção granulomatosa ou um distúrbio imunológico crónico, e que se origina nos nódulos linfáticos sendo evidenciado a presença de células gigantes neoplásicas características, chamadas de células de Reed-Sternberg, que induzem o acúmulo de histiócitos (macrófagos), granulócitos e linfócitos reativos.
As célulasde Reed-Sternberg neoplásicas tipicamente compõem uma fração pequena (1% a 5%) da massa total de células tumorais, tornando o LH mais difícil de ser estudado do que os linfoma não-hodgkin típicos. Contudo, está claro agora que na grande maioria dos casos as células de Reed-Sternberg neoplásicas derivam de células B de centros germinativos ou de centros pós-germinativos, indicando que a maior partedos linfoma Hodgkin é de tumores incomuns originários de células B.

Morfologia das células de Reed-Sternberg
A identificação das células de Reed-Sternberg e de suas variantes são essencial para o diagnóstico histológico (Cotran, Robbin e – 2007). As células de Reed-Sternberg diagnósticas tem núcleos múltiplos ou um único núcleo com múltiplos lóbulos nucleares, cada um com nucléolos grandessemelhantes a inclusões, com tamanho semelhante ao de um linfócito pequeno (5-7m de diâmetro). É uma célula grande, sendo inclusive considerada como uma célula gigante, bilobada, com proeminentes nucléolos eosinofílicos, com uma cor perinuclear mais clara, membrana nuclear espessa e citoplasma relativamente abundante.
Diversas variantes de células de Reed-Sternberg são também conhecidas. Asvariantes mononuclares contem um único núcleo redondo ou oblongo, com um núcleo grande semelhante a inclusão. As células lacunares, vistas predominantemente no subtipo de esclerose nodular, tem núcleos multilobulados ou invaginados mais delicados, envolvidos por um abundante citoplasma que é freqüentemente rompido durante o preparo dos cortes, ficando o núcleo localizado em um espaço vazio (a...
tracking img