Libras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 158 (39468 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS
DEPARTAMENTO DE LINGÜÍSTICA
PÓS-GRADUAÇÃO EM SEMIÓTICA E LINGÜÍSTICA GERAL
ÁREA DE PESQUISA: DESCRIÇÃO DAS LÍNGUAS DE SINAIS: DESCRIÇÃO
DA LÍNGUA DE SINAIS BRASILEIRA

DESCRIÇÃO FONÉTICO-FONOLÓGICA DOS SINAIS DA
LÍNGUA DE SINAIS BRASILEIRA (LIBRAS)

Aluno: André Nogueira Xavier (CNPq)

Dissertação apresentadaao Programa de Pós-Graduação em
Semiótica e Lingüística Geral, do Departamento de
Lingüística da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências
Humanas da Universidade de São Paulo, para obtenção do
título de Mestre em Lingüística
Orientadora: Profª Drª Evani de Carvalho Viotti

São Paulo
2006

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
FACULDADE DE FILOSOFIA, LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS
DEPARTAMENTO DELINGÜÍSTICA
PÓS-GRADUAÇÃO EM SEMIÓTICA E LINGÜÍSTICA GERAL
ÁREA DE PESQUISA: DESCRIÇÃO DAS LÍNGUAS DE SINAIS: DESCRIÇÃO
DA LÍNGUA DE SINAIS BRASILEIRA

DESCRIÇÃO FONÉTICO-FONOLÓGICA DOS SINAIS DA
LÍNGUA DE SINAIS BRASILEIRA (LIBRAS)

Aluno: André Nogueira Xavier (CNPq)

Orientadora: Profª Drª Evani de Carvalho Viotti

São Paulo
2006

II

A meu pai, José Antônio Xavier (in memoriam),sem quem jamais teria chegado até aqui.

III

Resumo
Este trabalho objetivou dar um primeiro passo em direção a uma descrição das unidades
do nível fonético-fonológico da língua de sinais brasileira (libras). Para isso, ele se baseou
no modelo de análise sublexical proposto por Liddell (1984) e desenvolvido por Liddell &
Johnson (2000 [1989]), segundo o qual, os sinais das línguassinalizadas, semelhantemente
às palavras das línguas faladas, são consituídos por segmentos.
Além de oferecer uma análise segmental dos sinais, capaz de capturar os contrastes
seqüenciais também possíveis nessas línguas, esse modelo apresenta uma descrição
bastante detalhada dos traços que caracterizam cada um de seus segmentos. Por conta disso,
neste trabalho, foi possível não apenas levantaralguns traços articulatórios que têm valor
distintivo na fonologia da libras, mas também esboçar uma análise segmental para alguns
de seus itens lexicais.

Palavras-chave: libras, fonologia, segmento, língua de sinais.

IV

Abstract
This research aimed at doing a first description of the phonetic-phonological units of
Brazilian Sign Language (libras). To do so, I assumed Liddell & Johnson(2000 [1989])’s
proposal, according to which signed languages’ lexical items are structured by segments, in
the same way as spoken languages’ words.
This model not only offers a segmental analysis for the signs, but also makes possible a
detailed description of their articulatory features. For that reason, in this research, it was
possible to identify some libras’s features used to distinguishsigns, as well as outline a
segmental analysis to some of its lexical items.

Key-words: libras, phonology, segment, signed language.

V

Agradecimentos
Agradeço à Profª Evani Viotti pela competência, seriedade, responsabilidade, dedicação,
e, sobretudo, pelo grande amor com que orientou esta pesquisa. Agradeço a ela também
pela formação sólida que me proporcionou, pelos ensinamentossobre como fazer pesquisa
e pelas inúmeras discussões que fundamentaram este trabalho.
Agradeço ao Prof. Leland McCleray por acompanhar este trabalho desde o ínicio,
alertando-me para os problemas, apontando-me formas de solucioná-los e incentivando-me.
Ao grupo de pesquisa “Estudos da Comunidade Surda: Língua, Cultura e História”
(ECS) por me proporcionar momentos de riquíssimas discussõesacadêmicas.
Ao surdo Alexandre Melendes, meu primeiro professor de língua de sinais brasileira
(libras), e à surda Sylvia Lia, minha eterna professora de libras, por me ensinarem a
configurar, localizar, mover e orientar minhas mãos lingüisticamente.
Ao amigo e colega de grupo de pesquisa Tarcísio Leite por me ajudar a ampliar meu
contato com a comunidade surda, ao contribuir para a minha...
tracking img