Liberdade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (979 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO – PUC/SP – PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO
MESTRADO: FILOSOFIA DO DIREITO

DISCIPLINA: FILOSOFIA DO DIREITO I (Relação entre Ética e Direito naFilosofia Clássica dos Gregos)

PROFESSOR: DR. GABRIEL BENEDITO ISSAAC CHALITA; e
PROFESSORA: DRA. MÁRCIA CRISTINA DE SOUZA ALVIM

ARTIGO

LIBERDADE: Podemos considerá-la como a equidistânciaexistente entre a Dignidade da Pessoa Humana e o Poder?

“Uma analise filosófica, partindo das concepções aristotélicas, bem como as considerações de Giovanni Pico e Nicolau Maquiavel”.Mestrando: EUDES VITOR BEZERRA
Matrícula: 09101418
Orientador: Prof. Dr. GABRIEL BENEDITO ISSAACCHALITA




São Paulo – 2009.
LIBERDADE: PODEMOS CONSIDERÁ-LA COMO A EQUIDISTÂNCIA EXISTENTE ENTRE A DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA E O PODER?



“Uma analise filosófica,partindo das concepções aristotélicas, bem como as considerações de Giovanni Pico e Nicolau Maquiavel”.




_____________________
Eudes Vitor Bezerra*


Desde tempos mais remotosquestiona-se sobre a verdadeira concepção da “Dignidade da Pessoa Humana”, bem como tentam desvendar a dimensão do “Poder”.
Em recente matéria publicada na Revista Visão Jurídica, de formabrilhante, a Professora Luciene Felix[1] no “Especial – Clássicos da Filosofia[2] - trouxe a baila: “ORIGEM DO CONCEITO DE DIGNIDADE – O propósito ideológico do jovem[3] que melhor traduziu o espírito dohumanismo intentava unificar os dois maiores sistemas de pensamento da humanidade: o idealismo platônico e o realismo aristotélico”.
Tal matéria abordou de forma impar, as importantescontribuições de Pico Della Mirándola, sobre a dignidade humana.
Verificamos no citado texto, que Pico considerava a liberdade humana como uma essência repousada na autodeterminação, ou seja,...
tracking img