Liberdade segundo aristoteles

E.E. PROFESSORA HERMÍNIA DE ANDRADE PFUHL NEVES

LIBERDADE SEGUNDO ARISTÓTELES

SÃO PAULO
NOVEMBRO
2011
E.E. PROFESSORA HERMÍNIA DE ANDRADE PFUHL NEVES

LIBERDADE SEGUNDO ARISTÓTELES

Integrantes
Amanda Batista de Lima
Claudia Rodrigues da Silva
Micheli do Nascimento Rodrigues
Miqueline da Silva Carrara
Taynã Averedo Correa

Disciplina: Filosofia
Professor: Leandro ContiSÃO PAULO
NOVEMBRO
2011
E.E. PROFESSORA HERMÍNIA DE ANDRADE PFUHL NEVES

LIBERDADE SEGUNDO ARISTÓTELES

Trabalho apresentado para avaliação no rendimento escolar na disciplina de Filosofia, do curso Ensino Médio, da Escola Estadual Professora Hermínia de Andrade Pfuhl Neves, ministrada pelo professor Leandro Conti.

SÃO PAULO
NOVEMBRO
2011
DEDICATÓRIA

AGRADECIMENTOS

Agradecemosprimeiramente a Deus, pela saúde, fé e perseverança que tem nos dado a cada dia.
Aos nossos pais, que mesmo em grandes tribulações permaneceram conosco, nos apoiando e incentivando a buscar grandes conquistas, e sempre foram grandes exemplos.
Aos nossos amigos, irmãos e professores que nos acompanharam em nossa caminhada até hoje.

1. EPÍGRAFE

“Nós somos aquilo que fazemos repetidamente.Excelência, então, não é um modo de agir, mas um hábito.”
Aristóteles

"Deixe que cada um exercite a arte que conhece."
Aristóteles

"A educação tem raízes amargas, mas os frutos são doces."
Aristóteles

2. RESUMO

O conceito sobre liberdade se apresenta como um dos princípios de maior compromisso filosófico. Tem sua origem de maneira inexplicável, aparece como um conceito muitoamplo, com inúmeras respostas e opiniões.
Mas o que é liberdade? Há diversas compreensões e uma necessidade de aplicá-la na prática. Teorias filosóficas e políticas, de todos os tempos, tentaram definir liberdade como tipo biológico, psicológico, econômico, social dentre outras características do ser humano.
O sentimento de liberdade absoluta, incondicional e sem limitações passou a existir comAristóteles. Segundo ele a ação moral do homem está ligada a liberdade de vontade, ou seja, uma liberdade de escolha – livre arbítrio. Desta forma, “cada homem delibera sobre o que crê ter de fazer”.

3. ABSTRAT

The concept of freedom is presented as one of the greatest principles of philosophical commitment. Its origins inexplicably, appears as a broad concept, with many answers andopinions.

But what is freedom? There are different understandings and a need to apply it in practice. Philosophical theories and policies of all time, attempted to define freedom as biological, psychological, economic, social, among other characteristics of human beings.

The feeling of absolute freedom, unconditional and without restrictions came into existence with Aristotle. According tohim the moral action of man is linked to freedom ofwill, that is, a freedom of choice - free will. Thus, "every man that believes shall consider the need to do."

4. SUMÁRIO
http://juportogusman.blogspot.com/2011/06/liberdade.html
30.11.2011 ás 18h42min

http://philiaosophos.blogspot.com/2011/01/liberdade.html
30.11.2011 ás 01h10minhttp://www.debatesculturais.com.br/o-universal-aristotelico-e-o-iluminismo-nas-ciencias-naturais/
30.11.2011 ás 01h35min

ÍNDICE
DEDICATÓRIA 4
AGRADECIMENTOS 5
1. EPÍGRAFE 6
2. RESUMO 7
3. ABSTRAT 8
4. SUMÁRIO 9
5. INTRODUÇÃO 11
5.1 – A Liberdade 11
5.2 – A Liberdade segundo Aristóteles 11
5.3 – Quem foi Aristóteles? 13
6. CONCLUSÃO 15
7. BIBLIOGRAFIA 16

5. INTRODUÇÃO

A Liberdade

A liberdade se apresenta como umdos princípios de maior compromisso filosófico e mais extensas consequências quando a reflexão se volta para o homem. Ao longo do tempo a filosofia foi se revelando e se realizando a procura de um conhecimento completo, ou até simples, para atingir algo que se assume por inatingível e que possa explicar os principais problemas que se colocam ao homem.
A liberdade tem sua origem de maneira...
tracking img