Levando-se em conta as ideias de everardo luz (2009)

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1276 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
AVALIAÇÃO NO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM. COMPETÊNCIAS E HABILIDADES: UMA VISÃO CONSTRUTIVA. FUNÇÕES DA AVALIAÇÃO ESCOLAR HOJE.

A CHAVE DO ENSINO

Didáticas específicas de cada disciplina tornam mais claro o que e como ensinar, trata-se de um tema que está transformando a Educação.
Uma inovação silenciosa, mas de alcance duradouro, estudos que se debruçam sobre aarte de ensinar, investigando as maneiras mais eficazes de ajudar a garotada a compreender os conteúdos. São investigações de conceitos e teorias de Artes, Ciências, Educação Física, Geografia, História, Língua Portuguesa e Matemática. Chamadas de didáticas específicas enfocam as dificuldades próprias de cada área afinal, quem disse que o jeito de explicar frações serve também para levar ameninada a ler?
As perguntas que nascem da prática vão muito além do como ensinar?¨O que a turma já sabe sobre o tema a ser tratado? Quais os efeitos esperados de minha atuação? E o principal: o que ensinar e como as crianças vão aprender esse conteúdo?
Currículos e conteúdos precisam encaminhar o estudante rumo à aprendizagem. ¨Para que ele seja capaz de buscar o conhecimento, éimportante que desenvolva habilidades de leitura, interpretação, estudo independente e pesquisa, diz Maria Inês Marcondes, especialista em formação e prática pedagógica da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.
Um dos temas que mais preocupam os educadores: é a disciplina. Segundo o psicólogo Lino de Macedo (professor do Instituto de Psicologia da Universidade de SãoPaulo), disciplina na escola não é questão de boa conduta nem de formação trazida de casa. ¨Disciplina se aprende e é do interesse de todo mundo, porque facilita a relação da gente com as coisas. O que o professor pode fazer para que a turma se comporte como deve? O exemplo é um dos caminhos. ¨Fala-se muito que a criança de hoje não têm limites. Mas nós, adultos, também não temos.Baseando-se nos seus estudos (psicólogo especializado em Piaget) ele diz que o comportamento dos alunos em sala de aula é algo que precisa ser ensinado e varia de acordo com a atividade, disciplina é uma competência escolar que as crianças aprendem como qualquer conteúdo.
Na escola exclusiva, anterior à atual, selecionavam-se os alunos e ficavam de fora aqueles que não se ajustavam aocomportamento desejado, disciplina era mesmo um pré-requisito para a escola. Hoje comportadas ou não, todas as crianças têm direito a estudar.
Pode-se conquistar o aluno para um projeto de disciplina conseguindo a admiração dele, com o tempo, perdeu-se o elemento de referência que havia antigamente, isso tem de ser conquistado, pouco a pouco, pelos dois lados.
A disciplina ajuda adesenvolver a autonomia, que é uma conquista, um aprendizado complexo e longo, pelo qual as crianças desenvolvem a mesma para dar conta de suas tarefas.
O que é regra? Algo que se constrói por consentimento. É como um jogo. As regras são arbitrárias, mas a criança aceita porque gosta de jogar, o pacto com os alunos é o melhor jeito de fazê-los seguir as regras.
Em sala, aautoridade é o professor, depende dele, portanto a gestão da aula e a capacidade de se relacionar com os alunos, não como amigão, mas como alguém que escuta e quer se aproximar, promovendo o interesse pela aprendizagem e sempre buscando a melhor maneira de ajudar.


Os projetos estão mais populares do que nunca, em muitos eles ajudam a ensinar mais e melhor, projeto didático (é um tipode organização e planejamento do tempo e dos conteúdos que envolvem uma situação problema), seu objetivo é articular propósitos didáticos (o que os alunos devem aprender) e sociais (o trabalho tem um produto final, como um livro ou uma exposição, que vai ser apreciado por alguém), dando um sentido mais amplo às práticas escolares. O projeto evita a fragmentação dos conteúdos e torna a garotada...
tracking img