Lei das sociedades anonimas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1176 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A cultura estadunidense é a que mais exerce influência no mundo, atualmente[1]. Desde a ascensão do país ao posto de potência mundial, a partir da Segunda Guerra Mundial, seus filmes, músicas, programas de televisão, esportes, tecnologia, culinária, arquitetura, moda, ciência e estilo de vida tornaram-se referências fundamentais em todos os países do mundo. Segundo levantamento das melhoresuniversidades do mundo feito pela universidade Xangai Jiao Tong em 2009, oito das dez melhores universidades do mundo são estadunidenses.
A literatura estadunidense, embora não tenha uma importância mundial tão grande quanto o seu cinema, por exemplo, possui autores mundialmente famosos, como James Fenimore Cooper (1789-1851), Ralph Waldo Emerson (1803-1882), Edgar Allan Poe (1809-1849), Henry DavidThoreau (1817-1862), Herman Melville (1819-1891), Walt Whitman (1819-1892), Louisa May Alcott (1832-1888), Jack London (1876-1916), Scott Fitzgerald (1896-1940), William Faulkner (1897-1962), Ernest Hemingway (1899-1961), John Steinbeck (1902-1968), Ray Bradbury (1920-2012) e Jack Kerouak (1922-1969). No campo da culinária, sua maior contribuição ao mundo é o fast food, estilo de comida que secaracteriza pela rapidez de preparo, de atendimento e de consumo. É um tipo de alimentação composto principalmente por sanduíches (hambúrgueres e cachorros-quentes) e bebidas (refrigerantes e milkshakes) ricos em açúcar e gordura, o que fez com que passasse a ser combatido pela medicina a partir do final do século XX.
Outra contribuição estadunidense para a culinária mundial foi a coca-cola, uma dasbebidas mais disseminadas no mundo atualmente e que foi inventada pelo estadunidense John Pemberton em 1886, na cidade de Atlanta, na Geórgia. Com a popularização mundial da bebida, tornou-se um dos principais símbolos da cultura estadunidense no mundo. Vale destacar, também, o gosto dos estadunidenses pela comida chinesa, por café (o país é o maior consumidor mundial do produto) e a influência dacozinha mexicana na fronteira com o México, formando a culinária típica tex-mex. Outra influência estrangeira na cozinha do país existe no estado da Luisiana, onde a população de origem francesa criou uma culinária típica apelidada de cajun (termo que vem de acadian, "acadiano", da Acádia, região canadense de onde proveio a maioria dos imigrantes da Luisiania) que tem, como ingredientes típicos,lagostim, caranguejo, camarão, jacaré, porco, pato, peru, galinha, arroz, milho, pimentão, cebola, salsa, cebolinha, louro e pimenta-malagueta[2].
O país produz destilados típicos de milho (bourbon) e de centeio (rye). O estado da Califórnia é famoso pela qualidade de seus vinhos. Os estadunidenses possuem três esportes favoritos: o futebol estadunidense, o beisebol e o basquete. Apesar dainfluência cultural do país no resto do mundo, apenas este último é amplamente disseminado no mundo. Os estadunidenses também apreciam o hóquei no gelo. O skate, um dos esportes mais populares no mundo atualmente, foi inventado no estado da Califórnia, na década de 1960, por surfistas que queriam praticar seu esporte em dias de poucas ondas. O surfe, aliás, que, desde tempos imemoriais, já era praticado naPolinésia, difundiu-se mundialmente graças aos esforços de divulgação do esporte pelo havaiano Duke Paoa Kahanamoku, que foi medalha de ouro na natação dos jogos olímpicos de 1912 em Estocolmo[3].
A língua inglesa é a língua mais utilizada no país, embora minorias étnicas continuem a utilizar as línguas de seus territórios de origem, como o castelhano, o chinês, o neerlandês, o japonês, ofilipino, o navajo, o havaiano, o cherokee, o cree, o cheyenne, o choctaw e o creek. As línguas dos índios estadunidenses exerceram grande influência nos topônimos estadunidenses ("Potomac", "Oklahoma", "Seattle", "Iowa", "Minnesota", "Dakota", "Connecticut", "Michigan", "Milwaukee" etc.). Vale destacar que a língua inglesa utilizada nos Estados Unidos possui pronúncia e léxico diferentes da língua...
tracking img