Lei da falescia

Páginas: 211 (52523 palavras) Publicado: 13 de setembro de 2012
UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL
FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA

ADROALDO ARAUJO

LEI DE FALÊNCIAS: UM COMPARATIVO ENTRE A ANTIGA LEI DE FALÊNCIA
E A NOVA LEI DE RECUPERAÇÃO DE EMPRESAS, ASPECTOS POSITIVOS E
NEGATIVOS DA ALTERAÇÃO, UMA ABORDAGEM MULTIDISCIPLINAR

Porto Alegre
2010

1

ADROALDO ARAUJO

LEI DE FALÊNCIAS: UMCOMPARATIVO ENTRE A ANTIGA LEI DE FALÊNCIA
E A NOVA LEI DE RECUPERAÇÃO DE EMPRESAS, ASPECTOS POSITIVOS E
NEGATIVOS DA ALTERAÇÃO, UMA ABORDAGEM MULTIDISCIPLINAR

Dissertação submetida ao Programa de PósGraduação em Economia da Faculdade de Ciências
Econômicas da Universidade Federal do Rio Grande
do Sul – UFGRS, como requisito parcial para a
obtenção do título de Mestre em Economia,
modalidadeprofissionalizante, com ênfase em
Economia Aplicada
Orientador: Prof. Dr. Paulo Schmidt

Porto Alegre
2010

2

DADOS INTERNACIONAIS DE CATALOGAÇÃO NA PUBLICAÇÃO (CIP)
Responsável: Biblioteca Gládis W. do Amaral, Faculdade de Ciências Econômicas da UFRGS

A663l

Araujo, Adroaldo
Lei de Falências: um comparativo entre a antiga lei de falência e a nova lei de
recuperação de empresas,aspectos positivos e negativos da alteração, uma
abordagem multidisciplinar / Adroaldo Araujo. – Porto Alegre, 2010.
155 f. : il.
Orientador: Paulo Schmidt.
Ênfase em Economia Aplicada.
Dissertação (Mestrado profissional em Economia) - Universidade Federal do Rio
Grande do Sul, Faculdade de Ciências Econômicas, Programa de Pós-Graduação em
Economia, Porto Alegre, 2010.

1. Falência :Legislação : Brasil. 2. Direito comercial : Brasil. I. Schmidt, Paulo.
II. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas.
Programa de Pós-Graduação em Economia. IV. Título.

CDU 347.736

3

ADROALDO ARAUJO

LEI DE FALÊNCIAS: UM COMPARATIVO ENTRE A ANTIGA LEI DE FALÊNCIA
E A NOVA LEI DE RECUPERAÇÃO DE EMPRESAS, ASPECTOS POSITIVOS E
NEGATIVOS DA ALTERAÇÃO, UMAABORDAGEM MULTIDISCIPLINAR

Dissertação submetida ao Programa de PósGraduação em Economia da Faculdade de Ciências
Econômicas da Universidade Federal do Rio Grande
do Sul – UFGRS, como requisito parcial para a
obtenção do título de Mestre em Economia,
modalidade profissionalizante com ênfase em
Economia Aplicada
Orientador: Prof. Dr. Paulo Schmidt

Aprovada em: Porto Alegre, 30/09/2010Banca examinadora:

______________________________________________________________________
Professor Dr. Paulo Schmidt – Orientador
UFRGS
______________________________________________________________________
Professor Dr. José Luiz dos Santos
UNIFIN
______________________________________________________________________
Professor Dr. Paulo Roberto Pinheiro
UNIFIN______________________________________________________________________
Professora Dra. Luciane Alves Fernandes
UNIFIN

4

AGRADECIMENTOS

Ao finalizar este trabalho, não poderia deixar de fazer um agradecimento especial ao
Professor Doutor Paulo Schmidt, pelo apoio incondicional que externou a minha pessoa na
orientação desta árdua, mas prazerosa tarefa.

Agradecer ao professor Stefano Florissi pelas magnasaulas ministradas e que sem dúvida,
embora não seja minha área de atuação, me deixaram entusiasmado em aprender a tão
reconhecida ciências econômica.

Aos colegas de escritório Otavio Borsa Antonello e Alexandre Alberto Werlang dos Santos.

A minha família, meus pais e irmãos, em especial com muito amor, à minha esposa Elisete e
meu filho Lorenzo.

5

RESUMO

Este estudo destina-se aconsecução de um trabalho comparativo entre a nova Lei de
Recuperação de Empresas e a antiga Lei de Falência e Concordata. Busca uma abordagem
multidisciplinar que aponte os aspecto positivos e negativos na implantação da nova ordem
jurídica, bem como, alguns efeitos econômicos resultantes. Desta forma obteremos uma
melhor compreensão das mudanças ocorridas no novo ordenamento, destinado a...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • LEI
  • Leis
  • Leis
  • Leis
  • leis
  • Leis
  • leis
  • a lei

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!