Interface homem maquina

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1701 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTERFACE HOMEM MÁQUINA


INTRODUÇÃO



O estudo da interação entre os homens e os computadores:


“É a disciplina preocupada com o desenho, a avaliação e implementação de sistemas de computação interativos para a utilização humana e o estudo dos principais fenômenos à volta deles” (tradução livre)


Outros nomes: Interação Computador - Humano; Interação Homem – Máquina.


IHM émultidisciplinar:

• Ciências da computação (computação gráfica, sistemas operativos, linguagens de programação, algoritmos);
• Ciências cognitivas do comportamento;
• Teoria da comunicação;
• Psicologia cognitiva;
• Desenho gráfico e industrial;
• Lingüística, sociologia, ergonomia,...


O foco na utilização dessas técnicas está fundamentalmente na relação daspessoas com os computadores.
IHM se materializa nos chamados interfaces: software e hardware que permite a ligação e comunicação das pessoas e os computadores. Um aspecto fundamental desta disciplina: assegurar a satisfação dos utilizadores. Se a interface for mal desenhada podem ser causa de ineficiências e até de acidentes.


Exemplos:


IHM – HOMEM E TECNOLOGIA: HOMEM


Oaspecto humano da interação:
• Modelos cognitivos, atenção e memória;
• Aprendizagem;
• Aspectos sociais;
• Aspectos organizacionais.
• Pessoas capazes do melhor e do pior: resolução de problemas complexos, ações coordenadas cm outras pessoas para a “criação humana”.
• Ao mesmo tempo: erros, lapsos de concentração, juízos de valor preconceituoso,irracionalidade, emoções descontroladas, falta de paciência, preguiça, fadiga, stress, etc.
• Os desenhos das interfaces devem ter em contas esses fatores: aprendizagem, modelos cognitivos, atenção e memória.


• A psicologia cognitiva pode ajudar no desenho de sistemas com: capacidades e limitações das pessoas, problemas que encontram no contato com as máquinas e modelos para criarmelhores interfaces;
• Os aspectos sociais que podem ajudar no desenho de sistemas são: psicologia social, sociologia, antropologia, lingüística e filosofia. É preciso ter em conta o contexto de utilização dos sistemas e a forma de organização do trabalho e quais os computadores melhores num trabalho colaborativo. Os ambientes de trabalho onde existe colaboração para interação social quepodem ser a base dos ambientes IHM;
• Os aspectos organizacionais podem ser: a psicologia organizacional, psicologia social, sociologia, gestão, fornecendo modelos dos processos e estrutura das organizações identificando áreas de problemas nas organizações que impedem o bom funcionamento dos sistemas e o trabalho das pessoas, fornecendo métodos organizacionais para o desenho e avaliaçãode novas tecnologias introduzidas nas organizações.,


IHM – HOMEM E TECNOLOGIA: TECNOLOGIA


Os aspectos da tecnologia da interação:
• Input;
• Output;
• Estilos de interação;
• Desenho de janelas;




IHM – Princípios de desenho


Pretendem melhorar a qualidade do desenho de interfaces:
• Tolerância;
• Simplicidade;• Visibilidade;
• Acessibilidade;
• Intuitivo (affordance)
• Consistência e normalização (Standards);
• Desenho minimalista;
• Feedback;
• Reutilização;
• Prevenção de erros;


O foco na utilização desses princípios está fundamentalmente na relação das pessoas com os computadores.




IHM –PRINCÍPIOS E MÉTODOS DE INTERAÇÃO


Existem duas leis para os desenhos das interfaces de utilizador:


Primeira: “O computador não deve colocar o seu trabalho em risco, ou quando inativo, permitir que o seu trabalho fique em risco”.


Segunda: “Um computador não vai lhe fazer perder seu tempo ou requerer você trabalhar mais daquilo que é estritamente necessário”....
tracking img