Insuficiencia renal cronica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (292 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Artigo

Original

COMPARAÇÕES MEDIDAS QUALIDADE VIDA COMPARAÇÕES DE MEDIDAS DE QUALIDADE DE VIDA ENTRE MULHERES E HOMENS EM HEMODIÁLISE
G ILDETE B ARRETO L OPES , M ARIA T EREZA SILVEIRA M ARTINS , C ÁCIA M ENDES M ATOS, J OSETE L EÃO DE A MORIM, E NEIDA B ARRETO L EITE, E VA A LVES M IRANDA , A NTONIO A LBERTO L OPES * Trabalho realizado na Faculdade de Medicina daUniversidade Federal da Bahia Coordenação central – Núcleo de Epidemiologia Clínica do Hospital Universitário Professor Edgard Santos – Salvador, BA.

*Correspondência Rua Mar. Floriano 448,apt 1301, Canela - Salvador – BA Cep 40110-010 aaslopes@ufba.br

RESUMO OBJETIVO. Comparar homens e mulheres, tratados cronicamente por hemodiálise, quanto a escores de qualidade de vidarelacionada com saúde (QVRS) e avaliar potenciais influências da idade e comorbidades. MÉTODOS. Corte transversal dos dados da linha de base de 254 mulheres e 349 homens participantes doestudo PROHEMO, sendo desenvolvido em unidades de diálise de Salvador. Utilizando a versão do Kidney Disease Quality of Life Short Form (KDQOL-SF), validada para a população brasileira, foramdeterminados os escores das escalas: sumário do componente físico [PCS], sumário do componente mental [MCS] e sintomas/problemas relacionados à doença renal. Os escores do PCS e MCS foramdeterminados utilizando as oito escalas genéricas do KDQOL-SF. Regressão linear múltipla foi usada para estimar diferenças de escores (DE) entre homens e mulheres, ajustadas para idade, anos emhemodiálise, insuficiência cardíaca, doença cerebrovascular, diabetes, doença arterial periférica e níveis séricos de hemoglobina e albumina. RESULTADOS. Médias de idade de mulheres e homensforam, respectivamente, 48,1±14,1 e 49,4±14,0 anos. As mulheres apresentaram menores escores em todas as escalas genéricas de QVRS. Apresentaram também médias significantemente menores (P
tracking img