Insad jobs

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1222 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O Euro e o Mercado de Ações
A recente crise econômica na Europa assustou os investidorese trouxe algumas limitações para quem opera com ações e outros ativos financeiros. A questão do tempo de operação e o problema da diversificação voltaram a perturbar muitos especuladores. As dúvidas sobre o destino do mercado também não param porque a maioria esperava uma recuperação gradual da última crise."Todavia acredito que os preços das ações não deveriam ter subido como subiram até recentemente, mas será que eles cairão ainda mais?"Todavia acredito que os preços das ações não deveriam ter subido como subiram até recentemente, mas será que eles cairão ainda mais?
Diga-se de passagem que a queda nos preços das ações é tardia. A demora em entender porque os preços deveriam recuar é fruto do viésnatural de alta nesse mercado e da esperança vã de que não deve haver outra crise porque já tivemos uma recentemente. Infelizmente, ninguém contava com o problema do endividamento de muitos países membros da comunidade europeia. Ainda bem que a relação euro-dólar sempre foi um bom indicador e já assinalava uma mudança de rumo no mercado financeiro desde dezembro de 2009. Ele ajudou a muitosevitarem perdas maiores com o recuo nos preços. Entretanto ainda existe muito pessimismo e não existem sinais claros de uma recuperação na economia real que possa dar consistência as subidas que presenciávamos até pouco tempo.
Parece-me que está havendo um grande equívoco nas políticas econômicas. Os governos consideraram a crise passada apenas como uma mera questão de liquidez e, por isso, injetaramdinheiro nos principais bancos como uma "ainda existe muito pessimismo e não existem sinais claros de uma recuperação na economia real que possa dar consistência as subidas que presenciávamos até pouco tempo"forma de estancar a crise e a queda das bolsa. Além desse engano, o problema principal não foi resolvido porque ele é muito delicado e profundo para ser erradicado de uma só vez. Issoprovocaria uma depressão que poderia durar muito tempo. Lamentavelmente, esse temor pelas autoridades econômicas dos Estados Unidos e da comunidade europeia prolonga os desequilíbrios na economia mundial e aumenta a incerteza nos mercados financeiros porque as medidas são efeitos passageiros. Enquanto isso, pouco podemos fazer a não ser conviver com incertezas e grandes volatilidades no mercado. Por outrolado, seria prudente ficar atento aos movimentos das principais moedas.
Ora, sabemos que a depreciação de uma moeda diminui seu poder de compra. No caso do euro, o problema é grave pela importância que ele exerce nas trocas internacionais e pelo tamanho das economias que ele serve de base de troca. A perda do valor do euro relativo ao dólar americano e a outras moedas afetam as bolsas do mundointeiro e mostram a fragilidade econômica dos tempos em que vivemos. Se a globalização for uma interdependência para valer, problemas pequenos ou grandes numa economia contaminarão as outras e reforça a necessidade de se conviver com maiores riscos.
A questão é delicada e transcende os interesses de muitos investidores e confunde os pequenos aplicadores. Devemos reconhecer também que o preço dasações antecipam o que pode ocorrer na economia produtiva do mundo inteiro, pois antes da ciência vem os sentimentos dos investidores. Assim, a Europa deve comprar menos no resto do mundo pois, à medida que o euro perde valor, os produtos estrangeiros ficam mais caros para os europeus. Isto é, dependendo da profundidade dessa crise, o crescimento de muitas economias fica prejudicado. Por outro lado,quem usa o euro como reserva deve migrar seus recursos para outras moedas ou ativos, pois essa é uma das vantagens da globalização que os grandes podem aproveitar, mas fica difícil para os pequenos alcançarem.
A crise na Grécia e as notícias de que outros membros da comunidade estão em condições semelhantes aumentaram a expectativa de novas depreciações do euro. "quando o euro cai, o preço das...
tracking img