Impactos e degradacao ambiental

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1141 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]


SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
GESTÃO AMBIENTAL
TAMILES SAMPAIO SANTOS













IMPACTOS GERADOS PELA DEGRADAÇÃO DA MATA CILIAR
























Jequiè-Ba 2012
TAMILES SAMPAIO SANTOS





IMPACTOS GERADOS PELA DEGRADAÇÃO DA MATA CILIAR







Trabalho apresentado ao Curso de gestãoambiental da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina : ANALISE AMBIENTAL INTEGRADA


Prof. Luciana Andrea pires,rosimeire midori suzuki rosa lima,Thiago augusto domingos,willian.

























Jequiè-Ba 2012
INTRODUÇÃO


Desmatamento de matas ciliares e a poluição dos rios são as questões mais gravesentre 150 problemas ambientais mapeados pelo governo, um diagnóstico ambiental da região foi elaborado e revelou um cenário preocupante com a degradação dos recursos naturais
Neste panorama, as matas ciliares foram mais afetadas com a destruição, foram alvo de todo o tipo de degradação. Basta considerar que muitas cidades foram formadas às margens de rios, eliminando-se todo tipo de vegetaçãociliar; e muitas acabam pagando um preço alto por isto, através de inundações constantes.
Além do processo de urbanização, as matas ciliares sofrem pressão antrópica por uma série de fatores: são as áreas diretamente mais afetadas..























DESENVOLVIMENTO


O processo de ocupação do Brasil caracterizou-se pela falta de planejamento econseqüente destruição dos recursos naturais, particularmente das florestas. Ao longo da história do País, a cobertura florestal nativa, representada pelos diferentes biomas, foi sendo fragmentada, cedendo espaço para as culturas agrícolas, as pastagens e as cidades.
Nesse crescimento a mata ciliar não deixou de ser afetada a vegetação que se encontra nas margens dos rios e tem como principal funçãoproteger os rios do assoreamento ajudar a sedimentar o controle, reduzir os efeitos danosos das enchentes e ajuda na estabilização dos igarapés.
A devastação da mata ciliar causa a perda da biodiversidade, ou seja, o desaparecimento de fauna e da flora, provocando, inclusive, o risco de extinção de espécies, a redução da qualidade da água e a diminuição da vazão dos rios.
Esteprocesso de degradação das formações ciliares, além de desrespeitar a legislação, que torna obrigatória a preservação das mesmas, resulta em vários problemas ambientais. As matas ciliares funcionam como filtros, retendo defensivos agrícolas, poluentes e sedimentos que seriam transportados para os cursos d'água, afetando diretamente a quantidade e a qualidade da água e conseqüentemente a fauna aquática ea população humana. São importantes também como corredores ecológicos, ligando fragmentos florestais e, portanto, facilitando o deslocamento da fauna e o fluxo gênico entre as populações de espécies animais e vegetais. Em regiões com topografia acidentada, exercem a proteção do solo contra os processos erosivos.
Apesar da reconhecida importância ecológica, ainda mais evidente nestavirada de século e de milênio, em que a água vem sendo considerada o recurso natural mais importante para a humanidade, as florestas ciliares continuam sendo eliminadas cedendo lugar para a especulação imobiliária, para a agricultura e a pecuária e, na maioria dos casos, sendo transformadas apenas em áreas degradadas, sem qualquer tipo de produção.
É necessário que as autoridades responsáveispela conservação ambiental adotem uma postura rígida no sentido de preservarem as florestas ciliares que ainda restam, e que os produtores rurais e a população em geral seja conscientizada sobre a importância da conservação desta vegetação. Além das técnicas de recuperação propostas neste trabalho, é fundamental a intensificação de ações na área da educação ambiental, visando conscientizar...
tracking img