Idade relativa e absoluta

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (676 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
| |Departamento de Ciências Exactas |
| |Biologiae Geologia – 10.º Ano de Escolaridade |
| |Ficha de Trabalho n.º2Ano Lectivo 2011/2012 |
| |Nome:|n.º |T: |

Unidade Didáctica 1: A geologia, os geólogos e os seus métodos.
Objectivos Gerais: Compreender os processos de datação relativa;
Compreender oprocesso de datação absoluta ou radiométrica.

I

Datar as rochas – em termos relativos
A datação relativa das rochas permite estabelecer a ordem cronológica de uma determinada sequência deacontecimentos geológicos, sem, no entanto, se utilizarem unidades de tempo. Deste modo, ao datar um conjunto de estruturas geológicas por meio de uma cronologia relativa, os cientistas ficam a saberqual das estruturas da sequência se originou em primeiro lugar e qual das estruturas foi a última a gerar-se, mas não a idade em milhões de anos. Para proceder a este tipo de cronologia, os geólogosbaseiam-se em princípios geológicos dos quais se destacam os seguintes:

Princípio A - Numa sequência não deformada de rochas sedimentares o estrato mais antigo é o que se situa mais inferiormente;Princípio B – Estruturas geológicas (como intrusões magmáticas) que intersectam outras são mais recentes do que estas.

Princípio C – Estratos com o mesmo conteúdo fossilífero apresentam a mesmaidade.

Princípio D – Um fragmento incorporado num outro é mais antigo do que este.

Procure, em cada esquema I, II, III e IV estabelecer uma ordem cronológica entre as diferentes estruturas...
tracking img