Humboldt

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2073 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA
CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR NORTE DO RIO GRANDE DO SUL – CESNORS
CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS
















Alexander Von Humboldt








Roberta Dalmolin












PALMEIRA DAS MISSÕES, 2009.



















ALEXANDER VON HUMBOLDT




Roberta DalmolinTrabalho apresentado ao Professor
Liliane Essi da disciplina Sistemática, do curso de Ciência Biológicas

















PALMEIRA DAS MISSÕES, 2009.
















Introdução

O presente trabalho irá relatar sobre a vida, obra, expedições econtribuições do naturalista do Antigo Continente, cujos trabalhos foram marcados por jornadas de pesquisas pelo mundo, Alexander Von Humboldt.

Suas especializações foram como etnógrafo, antropólogo, físico, geógrafo, geólogo, mineralogista, botânico, vulcanólogo e humanista.

Com ousadia do tamanho de sua inteligência, capaz de façanhas mentais e físicas, explorador tanto de novasidéias como de novas terras, um misto de cientista e viajante, revelou o funcionamento não só da flora e da fauna, mas também dos climas, dos oceanos, das camadas geológicas, dos campos magnéticos, o que deixa sua história ainda mais interessante pois mescla aventura e intelectualidade.


























Biografia

Friedrich WilhelmKarl Heinrich Alexander, Barão de Humboldt (Berlim, 14 de setembro de 1769 — 6 de maio de 1859), cresceu no castelo de Tegel, em conjunto com seu irmão mais velho, Wilhelm Von Humboldt(1767-1835), mais tarde o pesquisador de linguagem, ministro da Educação e fundador da hoje Universidade Humboldt, em Berlim. Os irmãos desfrutaram de uma educação integral, comprometido com uma série de tutoresprivados.

Quando tinha sete anos, seu pai morreu. Criado sem afeto por uma mãe fria e puritana foi procurar compensações no trabalho, manifestando, desde muito jovem, particular interesse pela história natural. Seus principais estudos universitários são caracterizados por certo ecletismo: a mãe o incentiva inicialmente a preparar-se para um concurso que o integre no funcionalismo públicocivil do governo prussiano. Ele aprendeu, assim, rudimentos de economia aplicada. Depois, com professores particulares, estudou as tecnologias de fabricação manufatureiras e o grego antigo. Seu encontro com o jovem botânico Karl Ludwig Willdenow (1765-1812) desencadeou nele uma verdadeira paixão pela botânica. Enfim, em 1789, reencontrou o irmão na prestigiosa universidade de Göttingen, onde estudoua física, a química e a geologia com afinco. Nesta época conheceu um colega de James Cock: o naturalista Georg Forster, cuja narrativa de viagens já havia lido. Os dois viajam juntos pela Europa e Alexander decide tornar-se explorador e naturalista.

Com uma considerável herança deixada por sua mãe, ele pôde finalmente realizar seu sonho: viajar pelo mundo. As primeiras tentativas nãoderam certo, porém o rei da Espanha acabou contratando seus serviços: Humbold chegou em 1799 à América. Durante cinco anos ele viajou com o médico e botânico Aimé Bonpland (1773-1858) por todo o território da atual Venezuela, Colômbia, Equador, Peru, Cuba e México. Em fevereiro de 1800 ao explorar o curso do rio explorou Orinoco numa viagem que durou quatro meses e cobriu mais de 2750 km de uma terrainabitada, selvagem e inóspita, teve como resultado a descoberta o canal Casiquiare, que liga o Orinoco ao Amazonas e a determinação exata do ponto de bifurcação. Proibido por ordem do governo português, que não desejava estrangeiros em seus domínios, foi impedido de prosseguir viagem pelo território brasileiro.

De volta a América espanhola escalou o Chimborazo (6.267m) para...
tracking img