Homossexualidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4142 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]







Métodos de Avaliação I

Ano Letivo 2012/2013 – 3.º Ano / 1.º Semestre











Atitude dos Adolescentes face à Homossexualidade















Docente: Professora Sofia Menéres

Discentes: André Correia, N.º 18994

Margarida Santos, N.º 19761

Bernardo Emídio, N.º 20170

Daniela Mota, N.º 20076

Turma 5.1

Índice1. Enquadramento Teórico 3



2. Método 10



3. Resultados 14



4. Discussão24



5. Referências 27



6. Anexos






Enquadramento Teórico


O objetivo deste estudo é explorar, conhecer e perceber um pouco mais acerca das atitudes dos adolescentes em relação à homossexualidade. Pode caraterizar-se esta atitude dividindo-a em duas dimensões: a dimensãoestereótipo e a dimensão aversão. Não serão, obviamente, as únicas dimensões que relacionam homossexualidade e atitudes associadas a esta, mas são aquelas em que se baseou, fundamentalmente, este trabalho.
Começando por definir a adolescência, esta é uma etapa intermediária do desenvolvimento humano, entre a infância e a idade adulta. Não se pode definir com exatidão o início e o fim daadolescência (ela varia de pessoa para pessoa), porém, na maioria dos indivíduos, ela ocorre entre os 10 e os 20 anos de idade (período definido pela OMS – Organização Mundial da Saúde). Este período é marcado por diversas transformações corporais, hormonais e comportamentais (Adolescência, 2011). Por adolescência pode entender-se como o período de transição entre a infância e a vida adulta,caracterizado pelos impulsos do desenvolvimento físico, mental, emocional, sexual e social e pelos esforços do indivíduo em alcançar os objetivos relacionados às expectativas culturais da sociedade em que vive. Inicia-se com as mudanças corporais da puberdade e termina quando o indivíduo consolida o seu crescimento e a sua personalidade, obtendo progressivamente a sua independência económica, além daintegração no seu grupo social. (Eisenstein, 2005). É, portanto, preponderante perceber que a adolescência é por definição a altura onde se consolidam conhecimentos, escolhas e vontades, e onde a identidade individual fortalecer-se-á segundo estes fatores. É uma altura, reportando para o tema a tratar, onde as pessoas definem mais pormenorizadamente as suas orientações sexuais, visto ser neste período queestas também se iniciam.
Revelando-se como um tema bastante complexo está a homossexualidade. Pode começar-se por referir que quando o indivíduo nasce, não vem com o “rótulo” imposto de que é heterossexual, a própria sociedade é que o tenta definir como tal. Mas uma questão importante é a orientação afetivo-sexual, que faz parte da identidade sexual e também tem a influência de fatores que sãobiopsicossociais. Essa orientação diz respeito à sensação interna que cada pessoa tem, de ser capaz de se relacionar amorosa e/ou sexualmente com alguém. É ela que vai determinar a sua atração sexual. Se essa atração ocorrer por alguém do mesmo sexo, trata-se duma atração homossexual, se a atração for por alguém de sexo diferente, trata-se duma atração heterossexual e, se ainda a atração ocorrerpelos dois géneros, trata-se de uma atração bissexual. Tal como Savin-Williams (1990, cit. Pereira, Leal, & Maroco, 2009) a definiu, a orientação sexual é a preponderância de sentimentos, pensamentos, fantasias e/ou comportamentos sexuais ou eróticos de um indivíduo que está presente desde uma idade muito precoce, talvez desde a conceção.
Kinsey (1948; 1953; cit. Pereira, Leal, & Maroco,...
tracking img