Hepatites

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1370 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
HEPATITES

Disciplina: Microbiologia Professor: Hudson Aluno: Flávio Villa Real Turma: CBMDF

Taguatinga-DF 26 de fevereiro de 2013.

INTRODUÇÃO

Pretende-se com este trabalho dar a conhecer uma das doenças transmissíveis que mais afeta a saúde pública atualmente, ou seja as hepatites virais, que constituem uma causa importante de morbilidade e mortalidade e têm tido um grande impactonas sociedades civilizadas do nosso tempo. A hepatite pode apresentar diversas causas como as infecções por vírus, uso abusivo de álcool e certos medicamentos, de drogas, doenças hereditárias e auto-imunes, sendo de salientar que neste trabalho apenas serão descritas as hepatites virais A, B e C, visto que são as mais comuns.

A DOENÇA Grupo heterogeneo de infecçoes causadas por virus que temtropismo hepatico primario, ou seja, infectam primeiro somente celulas do fígado, onde as manifestacoes clinicas, epidemiologicas e laboratoriais apresentam-se semelhantes e como importantes particularidades, mas a evoluçao e o prognostico variam nan a dependencia do agente etiologico. A distribuição das hepatites virais é universal, sendo que a magnitude dos diferentes tipos varia de região pararegião. No Brasil, há grande variação regional na prevalência de cada um dos agentes etiológicos; devem existir cerca de dois milhões de portadores crônicos de hepatite B e três milhões de portadores da hepatite C. A maioria das pessoas desconhece seu estado de portador e constitui elo importante na cadeia de transmissão do vírus da hepatite B (HBV) ou do vírus da hepatite C (HCV), que perpetua asduas infecções. HEPATITE A Frequênte em todas as regioes do país, na forma endemica ou em surtos, predominante em crianças e adultos jovens, principalmente nas áreas com saneamente básico precario. A principal via de contagio e o ciruito fecal-oral por mãos, por contato inter-humano ou através de água ou alimentos contaminados. A pratica de sexo oro-anal pode ser responsavel por alguns casos. Adisseminação está relacionada com o nível socioeconômico da população, e grau de saneamento básico, de educação sanitária e condições de higiene e da população. Pacientes que já tiveram hepatite A adquirem imunidade para esta, mas permanecem susceptíveis às outras hepatites. A hepatite A é uma doênça aguda e com um período de incubação de 2 a 4 semanas. HEPATITE B Tipo da doença de media endemicidadeno Brasil, com alguns bolsões de alta endemididade (Amazônia, Espirito Santo e Santa Catarina). A transmissão do vírus da hepatite B (HBV) se faz por via parenteral, e, sobretudo, pela via sexual, sendo considerada doença sexualmente transmissível. A transmissão vertical

(materno-infantil) também é causa frequente de disseminação do vírus. De maneira semelhante às outras hepatites, asinfecções causadas pelo HBV são habitualmente anictéricas. Apenas 30% dos indivíduos apresentam a forma ictérica da doença, reconhecida clinicamente. Aproximadamente 5% a 10% dos indivíduos infectados tornam-se portadores crônicos do HBV. Caso a infecção ocorra por transmissão vertical, a chance de cronificação é de cerca de 70 a 90%. Cerca de 20 a 25% dos casos crônicos com replicação viral evoluem paradoença hepática avançada (cirrose). HEPATITE C O vírus da hepatite C é o principal agente etiológico da hepatite crônica anteriormente denominada não-A não-B. Sua transmissão ocorre principalmente por via parenteral. Em percentual significativo de casos não é possível identificar a via de infecção. São consideradas populações de risco acrescido para a infecção pelo HCV por via parenteral: indivíduosque receberam transfusão de sangue e/ou hemoderivados antes de 1993, usuários de drogas intravenosas ou usuários de cocaína inalada que compartilham os equipamentos de uso, pessoas com tatuagem, piercing ou que apresentem outras formas de exposição percutânea (por exemplo: atendentes de consultórios odontológicos, podólogos, manicures, etc que não obedecem às normas de biossegurança). A...
tracking img