Helmintos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1493 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Instituto de Ciências Biomédicas Universidade de São Paulo

Helmintos: classificação e importância

Arthur Gruber
Coccilab – ICB/USP

Helmintos – introdução
•  Derivado do Grego: helmins, helminthos
•  Seres metazoários •  Classificação antiga: •  Platyhelminthes – acelomados – vermes chatos •  Nemathelminthes – pseudocelomados – vermes cilíndricos ou redondos •  Acanthocephala – vermesde cabeça com espinhos •  Causam algumas das mais debilitantes doenças de humanos e animais
BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária Coccilab – ICB/USP

verme

Helmintos – patogênese

•  Espoliação do hospedeiro
•  Abrem portas de entrada – infecções secundárias •  Obstrução
•  Vermes intestinais •  Filárias - dutos e gânglios linfáticos, levando a

acúmulo de linfa e edemados tecidos. Dirofilaria – artéria pulmonar. •  Compressão de órgãos – cisto hidático no fígado, cisticerco cerebral

BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária

Coccilab – ICB/USP

Helmintos – patogênese
•  Diarréia – perda de líquidos, menor absorção de nutrientes •  Lesões oculares – Onchocerca •  Anemia •  Grau de severidade depende de:
•  Carga infestante e tipo de parasita • Idade do hospedeiro •  Estado imune do hospedeiro •  Susceptibilidade genética do hospedeiro •  Localização do parasita
BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária Coccilab – ICB/USP

Helmintos – prejuízos

•  Debilitação dos animais •  Maior suscetibilidade a doenças •  Condenação de carcaças – presença de cistos •  Retardo do crescimento •  Prejuízos indiretos – vermifugações, manejomais complexo

BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária

Coccilab – ICB/USP

Helmintos – critérios de classificação

•  Forma e função •  Especificidade de hospedeiro •  Marcadores moleculares •  Polimorfismo de isoenzimas •  Seqüências genômicas

BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária

Coccilab – ICB/USP

Bilateria Acoelomata Platyhelminthes (vermes chatos) Cestoda(vermes em fita) Monogenea Trematoda Turbellaria Coelomata Deuterostomia Chaetognatha Chordata (cordados) Echinodermata (equinodermas) Hemichordata (hemicoordados) Xenoturbellida Protostomia Organismos celulares Annelida/Echiura/Pogonophora (anelídeos) Brachiopoda Eukaryota Bryozoa Grupo dos Fungi/Metazoa Entoprocta Metazoa Mollusca (moluscos) Myzostomida Eumetazoa Nemertea BilateriaPanarthropoda Priapulida Sipuncula Pseudocoelomata Acanthocephala (vermes com cabeça espinhosa) Cycliophora Gastrotricha Kinorhyncha Loricifera Micrognathozoa Fonte: NCBI Taxonomy Browser Nematoda (vermes redondos) http://www.ncbi.nlm.nih.gov/Taxonomy/Browser/ Nematomorpha Rotifera BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária

Helmintos Classificação

Helmintos – critérios de classificaçãoBilateria

Fonte: Tree of Life Web Project - http://www.tolweb.org/tree/
BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária Coccilab – ICB/USP

Platelmintos – características
•  Grupo grande de organismos: maioria parasitas e alguns de vida livre •  Corpo achatado dorso-ventralmente (“vermes chatos”) •  Não segmentados (Trematóides) e segmentados (Cestóides) •  Podem ou não possuir um intestinoincompleto •  Não apresentam sistemas circulatório, esquelético e respiratório •  Sistema excretório/osmoregulatório – protonefrídio (células flama)
BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária Coccilab – ICB/USP

Platelmintos – características

•  Sem cavidade geral (celoma) - acelomados •  Geralmente hermafroditas – indivíduos apresentam órgãos sexuais masculinos e femininos –autofertilização •  Simetria bilateral •  Sem esqueleto

BMP0222 – Introdução à Parasitologia Veterinária

Coccilab – ICB/USP

Platelmintos – características

•  Cestóides e trematóides não apresentam epitélio celular ou sincicial cobrindo a superfície do corpo •  Tegumento citoplasmático – projeções citoplasmáticas de células localizadas abaixo da camada muscular

BMP0222 – Introdução à...
tracking img