Hegel

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3934 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CONTRAPONTOS DA FILOSOFIA DA HISTÓRIA EM HEGEL E MARX
Ivanor Luiz Guarnieri1
RESUMO: As análises produzidas neste artigo são resultado de pesquisa desenvolvida em torno do
problema da concepção de História na Filosofia da História de Marx e Hegel. O sentido universal dos
estudos filosóficos permite analisar elementos de ordem ampla sobre os quais se debruçam também os
estudiosos da ciênciada História. Em vista disso, optou-se por apresentar os resultados da pesquisa
direcionando o texto, primeiramente, sobre aspectos da metodologia da história, para em seguida mostrar
as perspectivas opostas dos quais partirem Hegel e Marx. Colocando a racionalidade como principal
característica do homem, ou como ser de trabalho, Hegel e Marx acabam por construir significados
diferentes econcepções opostas acerca dos fundamentos da História. É esta oposição que procura ser
esboçada neste trabalho.

Palavras-chave: Filosofia, Filosofia da História, Metodologia de História.

Introdução
A hipótese se há um sentido na história e, em havendo qual seria este sentido,
pode ser tomada como fio condutor da exposição que aqui se apresenta, não sem antes
fazer algumas considerações.
Ahistória, como ciência, ao menos como nós a entendemos, a partir da criação
de cadeiras de história nas universidades, teve um início recente. No século 19, no
conjunto de teorias e ciências nascidas no belicoso e imperialista solo europeu, se irá
formatar a disciplina de história, no processo de expansão do capitalismo europeu que
requeria materiais e matéria-prima para suas indústrias. Por contadisso, foi levado ao
território africano o barulho da Revolução Industrial, só que de modo mais aterrador,
com tiros e explosões variadas, procurando dominar os habitantes das regiões africanas,
ou explodindo montanhas e construindo minas em busca materiais preciosos para a
construção de indústrias a se expandirem continuamente.
1

Mestre em História pela UFF – Universidade FederalFluminense; Mestrando em Filosofia pela
UNIOESTE – Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Professor de Filosofia e Metodologia de
História da UNIPAR – Universidade Paranaense, campus de Cascavel – PR

80

A necessidade de conhecer a cultura dos povos das regiões, para melhor
dominá-los, bem como de criação de mapas de localização dos lugares mais apropriados
para exploração, levou os europeusa impulsionar o desenvolvimento da antropologia e
da geografia. A geografia, não por acaso, teve seu primeiro congresso internacional
presidido por Leopoldo II, imperador belga, interessado que estava em dominar ricas
áreas de mineração na África.
Nesse contexto se instauram os procedimentos metodológicos da história, que
passará a ser reconhecida como ciência. Para tanto adotou muito daforma de trabalho e
pesquisa das outras ciências de então. Primeiramente, a história recebia o modelo
teórico do positivismo, graças ao predomínio da física. A física que naquele tempo era
coroada como a ciência modelar, da qual as demais procuravam seguir as regras, ou ao
menos se aproximar dela. O que hoje é chamado, com certo desdém, de Positivismo,
deve muito aos princípios metodológicos dafísica, que acabaram contaminando as
ciências humanas e, por conseguinte, a história.
Logo após a grande influência do Positivismo, os historiadores descobriram
um poderoso ferramental teórico nas categorias de análise marxistas. Com a corrente
historiográfica marxista, predomina a busca de um sentido de totalidade explicativa para
os fenômenos históricos. Justiça se faça: a Escola de Annales,fundada em 1929 por
Marc Bloch e Lucien Febvre, vindo logo após o marxismo, apesar da extraordinária
abertura propiciada, com a inclusão de inúmeros outros objetos e enfoques para o
historiador, procurava ainda ter em vista certa visão de totalidade herdada do marxismo.
O mesmo não se pode dizer da chamada Nova História, originada na década de
60 do século passado, que acabou por...
tracking img