Hanseniase

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1341 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Grau de conhecimento que a população tem sobre hanseníase

1) introdução/contextualização
A hanseníase é uma doença infecciosa, de evolução crônica (muito longa) causada pelo Mycobacterium leprae, microorganismo que acomete principalmente a pele e os nervos das extremidades do corpo. A doença tem um passado triste, de discriminação e isolamento dos doentes, que hoje já não existe e nem énecessário, pois a doença pode ser tratada e curada.
No sentido de direcionar o trabalho, partimos do seguinte questionamento: Qual o grau de Conhecimento sobre hanseníase a população da grande Maruípe tem? Com o intuito de responder tal questionamento, traçamos os seguintes objetivos:
Fazer um questionário com dez perguntas sobre, diagnóstico, período de incubação, transmissão, sinais e sintomasda hanseníase, e entrevistar cem pessoas.

2) fundamentação teórica (máximo 3000 caracteres)
Hanseníase é uma doença infecciosa e contagiosa causada por um bacilo (tipo de germe ou microorganismo) denominado de Mycobacterium leprae. Devido às deformações causadas pela doença, ela era também conhecida como Lepra, nome que ainda batiza o organismo causador. Mas o nome oficial da doença é umahomenagem ao descobridor do bacilo, Gerhard Hansen.
O Mycobacterium leprae é um parasita intracelular que apresenta afinidade por células da pele e por células dos nervos periféricos, ou seja, infecta principalmente estes tecidos.
A hanseníase não é uma doença hereditária e sua evolução depende de características do sistema imunológico (sistema de defesa do organismo) da pessoa que foi infectada.
Avia principal de transmissão é a respiratória.
Os pacientes sem tratamento eliminam os bacilos através do aparelho respiratório superior, sejam pelas secreções nasais, gotículas de saliva que saem com a fala, tosse ou espirro. Este bacilo, que fica suspenso no ar por alguns segundos, pode contaminar uma pessoa próxima e desenvolver a doença.
Vale à pena ressaltar que o paciente em tratamentoregular com medicação ou que já recebeu alta não transmite a doença.
Muitas pessoas que entram em contato com estes bacilos não adquirem a doença. Somente 5% delas irão desenvolver a hanseníase com o passar do tempo.
Fatores ligados à genética humana e ao sistema imunológico (defesa do organismo) irão determinar se um indivíduo irá ou não contrair a doença após o contato com o bacilo de hansen(outro nome do Mycobacterim leprae).
O período de incubação da hanseníase é bastante longo, variando de três a cinco anos. Período de incubação é o tempo necessário para o desenvolvimento dos primeiros sinais e sintomas da doença após o contágio ou contaminação pelo bacilo.
Os sinais e sintomas da hanseníase estão localizados principalmente nas extremidades das mãos e dos pés, na face, nas orelhas,nas costas, nas nádegas e nas pernas.
O diagnóstico da hanseníase é basicamente clínico, baseado nas queixas, sinais e sintomas detectados no exame de toda a pele, olhos, palpação dos nervos, avaliação da sensibilidade superficial e da força muscular dos membros superiores e inferiores.
Em raros casos será necessário solicitar exames complementares em Unidades de Referência para confirmaçãodiagnóstica. Dentre os exames mais solicitados para confirmação diagnóstica está a pesquisa do bacilo de hansen na linfa. Trata-se de um exame onde se extrai um líquido (linfa) das orelhas, cotovelos ou joelhos após pressioná-los com uma pinça especial. A linfa então é mandada para o laboratório para análise e pesquisa do bacilo de hansen.
Existem outros métodos de diagnóstico em casos mais difíceis,como a biópsia de um nervo periférico (acometido pela doença) que é submetido para análise microscópica.

Sinais e sintomas mais comuns da hanseníase:
* Manchas esbranquiçadas, avermelhadas ou amarronzadas em qualquer parte do corpo.
* Área de pele seca e com falta de suor.
* Área da pele com queda de pêlos, mais especialmente nas sobrancelhas.
* Área da pele com perda ou...
tracking img