Gripe aviaria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 30 (7433 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO

A Influeza Aviária é provocada por vírus da família Orthomixoviridae, gênero Influenzavirus A, com genoma de RNA e envelopado. Existem três tipos de vírus (A, B e C), mas somente o tipo A afeta as aves. Possui glicoproteínas na superfície do virion e as principais são as 16 hemaglutininas (HA) e as neuraminidases (N). A proteína HA liga o virion à superfície da célula e tem capacidadehemaglutinante e a N é a responsável pela liberação de novos vírus da célula.Sinais clínicos. Houveram surtos notificados da enfermidade por volta de 1998 e 2000. Nas aves os sintomas são: problemas respiratórios graves, diarréia, problemas nervosos e morte. E sintomas nos seres humanos são problemas respiratórios graves e morte. A maioria dos casos apresentou um quadro de pneumonia grave, queevoluiu para insuficiência respiratória. A radiografia de tórax pode mostrar infiltrado intersticial difuso ou multifocal ou consolidação lobar ou segmentar com broncograma aéreo. A infecção tem alta patogenicidade, com 63% de letalidade.

Palavras-Chave: Influeza Aviária, Zoonose
1. INTRODUÇÃO
Nos últimos anos a Influenza aviária (IA) tem preocupado a autoridades sanitárias do mundo todo. Estaenfermidade, juntamente com a doença de Newcastle, são as únicas enfermidades avícolas da lista A da OIE, ou seja, de notificação obrigatória, acarretando em suspensão das importações dos países afetados. Até pouco tempo atrás, a IA não era considerada uma zoonose. Porém é provável que este conceito seja revisto devido aos atuais surtos de gripe do frango em seres humanos. O primeiro caso detransmissão de influenza aviária para humanos ocorreu em 1997 em Hong Kong, foram relatados 18 casos e 6 óbitos. A cepa isolada foi de IA tipo A (H5N1),quando foram sacrificados 1,5 milhão de aves domésticas naquele país. No dia 01 de fevereiro de 2004 a OMS comunicou a morte de duas irmãs, de 23 e 30 anos, do Vietnã, que morreram após contrair o vírus decorrente da Influenza Aviária, possivelmentedo irmão delas. Felizmente a transmissão entre humanos do vírus H5N1 não foi confirmada neste caso. Testes feitos em Hong Kong não detectaram genes humanos nas amostras do vírus isolados das vítimas.
Indícios apontam que a Influenza Aviária (IA) existe há séculos, porém houve surtos no inicio do século XX afetando aves italianas. Apenas em 1995 a enfermidade teve reconhecimento e foicaracterizada.
O vírus da IA pertence à família Orthomixoviridae, subtipo H5N1, sendo assim uma Zoonose, podendo variar os sintomas de acordo com a patogenia, espécie, sexo e idade.
Os sintomas mais comuns em seres humanos são febre e problemas respiratórios resultando em tosse e fadiga excessiva. Já nas aves, pode causar alterações no sistema digestivo, nervoso e reprodutivo, emagrecimento, problemasrespiratórios, edema da face e cabeça e cianose.
A seguir, ao longo do trabalho, apontar-se-ão o histórico da influenza, patogenia, sinais clínicos, diagnóstico, prognóstico, vacinação e tratamento.

2. HISTÓRICO
A influenza em humanos parece ocorrer desde os primórdios da humanidade, segundo a literatura antiga (2000 a.C., por exemplo), com registro de doença respiratória aguda com duração depoucos dias ou semanas (NETO, 2001).
A influenza aviária, inicialmente, foi confundida com uma forma aguda e septicêmica de cólera aviária. Apenas em 1995, o vírus foi caracterizado como o da influenza aviária. Na metade do século XX, foi registrada na Europa, Ásia, África e Américas do Norte e Sul. Neste século, foi identificada em todos os continentes.
A partir de 1998 até 2007 muitos paísestem notificado surtos de influenza aviária de alta patogenia pelo subtipo H5N1 em galinhas, patos e perus além das aves selvagens. A China, Coréia do Sul, Indonésia, Tailândia e Vietnã são os principais exemplos de perda e mortalidade por este vírus neste século, sendo que, a partir de 2005, os surtos têm avançado pelo ocidente e países como a Turquia, Grécia, Romênia, além de França e Alemanha...
tracking img