Graduando

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (967 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ

CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E EDUCAÇÃO

CURSO DE CIÊNCIAS NATURAIS - QUÍMICA

NÚCLEO UNIVERSITÁRIO DE MARABÁANTONIO LUIZ ALVES DOS REIS JUNIOR

FERNANDA RODRIGUES DA SILVA































Marabá

2012

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁNÚCLEO UNIVERSITÁRIO DE MARABÁ

CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS DA EDUCAÇÃO

CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM CIÊNCIAS NATURAIS – TURMA 2009









QUÍMICA ORGÂNICA: CLASSIFICAÇÃO DASCADEIAS CARBÔNICAS






ANTONIO LUIZ ALVES DOS REIS JUNIOR

FERNANDA RODRIGUES DA SILVA




































Marabá

2012QUÍMICA ORGÂNICA: CLASSIFICAÇÃO DAS CADEIAS CARBÔNICAS

1. Introdução

A estrutura dos compostos orgânicos começou a ser conhecida a partir das ideias de Couper e Kekulé sobre ocomportamento químico do carbono.

Archibald Scott Couper (1831-1892), químico britânico nascido na Escócia, pioneiro da descoberta das múltiplas valências do carbono, estabelecendo que o carbono eratetravalente, simultaneamente e independentemente com o químico alemão Friedrich August Kekulé (1829-1896). Estudou clássico em Glasgow e filosofia em Edimburgo, quando resolveu estudar química efoi para Paris, estudar e trabalhar no laboratório do químico francês Charles Adolphe Wurtz (1817-1884).

Começou a distinguir que existia certos graus de afinidade (1850), uma característicade um elemento ser capaz de se combinar com outro em várias proporções e uma afinidade seletiva, a afinidade de um dado elemento por vários outros. Essa distinção foi um passo importante nodesenvolvimento da idéia de valência. Depois (1869), ele distinguiu claramente atomicidade, a valência de afinidade. Propôs a Wurtz (1858) apresentar um papel a Academia Francesa, onde demonstrava a bi e a...
tracking img