Gopongame

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2017 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução

A desmatamento da Floresta Amazônica é um dos principais problemas ambientais do mundo atual, em função de sua grande importância para o meio ambiente. Este desmatamento causa extinção de espécies vegetais e animais, trazendo danos irreparáveis para o ecossistema amazônico. 

Principais causas:
- Degradação provocada pelo corte ilegal de árvores, destinadas ao comércio ilegal demadeira;
- Queimadas ilegais para abertura de pastagens para o gado ou áreas agrícolas (principalmente para a cultura de soja);
- Assentamentos humanos em função do crescimento populacional na região.
Principais consequências:
- Extinção de espécies vegetais e animais;
- Desequilíbrio no ecossistema da região;
- Aumento da poluição do ar nos casos de queimadas;
- Aumento de casos de erosãodo solo.

O cerrado é a segunda maior formação vegetal do Brasil. Sua ocupação original, antes de ser devastada, ocupava uma área aproximada de 2 milhões de km², atualmente restam apenas 20% desse total. É o bioma que mais sofreu impacto em razão da ocupação humana. 

Destruição das Florestas
A destruição das florestas acarretou grandes transformações, como redução da biodiversidade ealterações nos sistemas climáticos, pedológicos e hidrológicos.

O desmatamento gera, entre outras questões, a perda de biodiversidade e hábitat de muitas espécies
A destruição das florestas acarreta em perda de biodiversidade e hábitat de muitas espécies. No contexto das transformações climáticas globais, 20% das emissões antrópicas de CO2 são provocadas pelo desmatamento. Seus efeitos tambémdeterminam alterações no ciclo hidrológico, formação das chuvas e nas características de um microclima. Sem as raízes para absorver a água das chuvas, os solos desprotegidos ficam mais suscetíveis aos processos de erosão e em uma escala ampliada podem chegar à desertificação. A água perde a sua capacidade de infiltração e deixa de abastecer os lençóis freáticos, aumentando a velocidade do escoamentosuperficial e podendo provocar assoreamento de rios e enchentes.

Área destruída pela ação do homem
O desmatamento é um processo que ocorre no mundo todo, resultado do crescimento das atividades produtivas e econômicas e, principalmente, pelo aumento da densidade demográfica em escala mundial, pois isso coloca em risco as regiões compostas por florestas.

A exploração que naturalmente propiciadevastação através das atividades humanas já dizimou, em cerca de 300 anos, mais de 50% de toda área de vegetação natural em todo mundo.

A atividade de extrativismo vegetal é extremamente importante em vários países como o Brasil, com predomínio de florestas tropicais, assim como a Indonésia e o Canadá com florestas temperadas, e essa extração coloca em risco diversos tipos de vegetaçõesdistribuídas no mundo.

* 15. Até a década de 1950, os Cerrados mantiveram-se quase inalterados. A partir da década de 1960, com a interiorização da capital e a abertura de uma nova rede rodoviária, largos ecossistemas deram lugar à pecuária e à agricultura extensiva, como a soja, arroz e ao trigo. Tais mudanças se apoiaram, sobretudo, na implantação de novas infra-estruturas viárias e energéticas, bemcomo na descoberta de novas vocações desses solos regionais, permitindo novas atividades agrárias rentáveis, em detrimento de uma biodiversidade até então pouco alterada. Durante as décadas de 1970 e 1980 houve um rápido deslocamento da fronteira agrícola, com base em desmatamentos, queimadas, uso de fertilizantes químicos e agrotóxicos, que resultou em 67% de áreas do Cerrado "altamentemodificadas", com voçorocas, assoreamento e envenenamento dos ecossistemas. Resta apenas 20% de área em estado conservado. A partir da década de 1990, governos e diversos setores organizados da sociedade debatem como conservar o que restou do Cerrado, com a finalidade de buscar tecnologias embasadas no uso adequado dos recursos hídricos, na extração de produtos vegetais nativos, nos criadouros de...
tracking img