Gestalt

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1524 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FAVI - ASSOCIAÇÃO VITORIANA DE ENSINO SUPERIOR
CURSO DE PEDAGOGIA







SÍNTESE DO CAPÍTULO: A APRENDIZAGEM NA PSICOLOGIA DA GESTALT, TEORIA COMPORTAMENTAL E HUMANISMO






Lizete Felipe de Almeida







VITÓRIA
2012
Lizete Felipe de Almeida







SÍNTESE DO CAPÍTULO: A APRENDIZAGEM NA PSICOLOGIA DA GESTALT, TEORIA COMPORTAMENTAL E HUMANISMOSíntese apresentada à disciplina Psicologia, como exigência para critério de avaliação, sob orientação da Professora Débora Almeida de Souza.






SUMÁRIO

1. PSICOLOGIA DA GESTALT ……………………………………………….. 1
2. A TEORIA COMPORTAMENTAL ………………………………………….. 4
3. CONSIDERAÇÕES FINAIS ………………………………………………… 6
4. BIBLIOGRAFIA ………………………………………………………………. 71. PSICOLOGIA DA GESTALT

Surgida na Alemanha no inicio do século XX, Gestalt-Terapia é, sobretudo, uma síntese de abordagens que visa a compreensão da psicologia e comportamentos humanos. Embora esse movimento tenha sido fundado por Max Wertheimer, o conceito de Gestalt foi primeiro introduzido na filosofia e psicologia contemporânea por Christian vonEhrenfels. Outros nomes importantes da Gestalt são Kurt Koffka e Wolfgang Kohler.

A Gestalt desenvolve o conceito de organização. A percepção envolve mais do que a mera combinação de elementos sensoriais, mas a mente organiza esses elementos numa experiência unitária. O design utiliza as leis da Gestalt o tempo todo, muitas vezes até de forma inconsciente, ajudando as pessoas aassimilarem informações e entenderem as mensagens que são passadas. Dentre os princípios da Gestalt-Terapia e da Psicologia Humanista destaca-se: Auto-encontro, auto-realização, auto-satisfação, recuperação de partes perdidas e reprimidas da pessoa, crescimento pessoal, desenvolvimento do potencial humano como um todo, auto-responsabilidade, estímulo da consciência e concentração no aqui e agora.Sua ênfase repousa na natureza do todo e não na derivação das partes, sendo seu principal pressuposto humanista e orientado para o crescimento da pessoa. A maneira como nós percebemos as coisas, determina o nosso comportamento. Sua influência provém da Psicologia Existencial e Psicanalítica, assim como fragmentos e partes do Behaviorismo (ênfase no comportamento observável), Psicodrama(representação de conflitos), Psicoterapia de Grupos (trabalho com grupos), Zen-Budismo (mínimo de intelectualização e enfoque na consciência do presente). Sempre que possível a Gestalt deve ser aplicada usando teorias gestaltistas, como no Design, onde se gera soluções alternativas para problemas comuns.


Os experimentos com a percepção levaram os teóricos da Gestalt ao questionamento de umprincípio implícito na Teoria Behaviorista (O Behaviorismo dedicou-se ao estudo do comportamento do indivíduo e na relação que este mantém com o meio ambiente). Porém, como o comportamento e meio ambiente são termos amplos demais para serem úteis à uma análise descritiva nesta ciência, os psicólogos desta tendência chegaram aos conceitos de estímulo e resposta). Para os gestaltistas, entre oestímulo que o meio fornece e a resposta do indivíduo, encontra-se o processo de percepção do indivíduo. O que o indivíduo percebe e como percebe são dados importantes para a compreensão do comportamento humano. Sendo assim, a Teoria da Gestalt sugere que a maneira como é percebido um determinado estímulo irá desencadear o comportamento. Deste modo, encontra-se nos fenômenos da percepção as condiçõespara a compreensão do comportamento humano.


O princípio fundamental da Teoria da Gestalt sugere que a análise das partes nunca pode proporcionar uma compreensão do todo, uma vez que o todo é constituído pelas interações e interdependências das partes. As partes de uma Gestalt não mantêm sua identidade quando estão separadas de uma função no lugar do todo. "Uma Gestalt é um fenômeno...
tracking img