Fique por dentro pirelli

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2833 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Dicas

Dimensionamento
Assim como o diâmetro de um cano é função da quantidade de
água que passa em seu interior, a bitola de um condutor depende
da quantidade de elétrons que por ele circula (corrente elétrica).
Além disso, toda vez que circula corrente, o condutor se aquece,
devido ao “atrito” dos elétrons em seu interior. No entanto, há um
limite máximo de aquecimento suportado pelofio ou cabo, acima
do qual ele começa a se deteriorar. Nessas condições,
os materiais isolantes se derretem, expondo o condutor de cobre,
podendo provocar choques e causar incêndios. Para evitar que os
condutores se aqueçam acima do permitido, devem ser instalados
disjuntores ou fusíveis nos quadros de luz. Esses dispositivos
funcionam como uma espécie de “guarda-costas” dos cabos,
desligandoautomaticamente a instalação sempre que a
temperatura nos condutores começar a atingir valores perigosos.
Dessa forma, o valor do disjuntor ou fusível (que é expresso
sempre em ampères - A) deve ser compatível com a bitola do fio,
sendo que ambos dependem da corrente elétrica que circula na
instalação. Como a corrente é o resultado da potência dividida
pela tensão, a tabela 2 indica abitola do condutor e o valor do
disjuntor em função desses parâmetros.








• Mantenha o quadro de luz sempre
limpo, ventilado e desempedido,
longe de botijões de gás.
• Evite a utilização dos chamados
“benjamins” ou “Ts”, pois o uso indevido
dos mesmos pode causar sobrecargas nas
instalações. Para resolver o problema, instale
mais tomadas, respeitando o
limite dos fios.

➤Tabela 2

Os geradores elétricos aplicam uma força (tensão elétrica) nos
elétrons que existem dentro dos condutores, provocando um movimento ordenado dos mesmos (corrente elétrica).
Ao circular por uma lâmpada, uma resistência ou um motor, essa
corrente provoca o funcionamento dos aparelhos.
Há lâmpadas mais “fortes” e mais “fracas”, fato
esse que está relacionado à potência elétrica dasmesmas.
A tabela 1 indica a potência típica de alguns aparelhos
mais comuns.
Se dividirmos a potência (medida em watts - W) pela tensão
(medida em volts - V), obteremos a corrente (medida em ampères - A).
Assim, um chuveiro de 5500 W,
ligado em 220 V, será
percorrido por uma corrente
de 5500 / 220 = 25 A.
Note que 5500 W é 55 vezes
100 W, significando que, toda
vez que ligamos umchuveiro elétrico é o mesmo, em
termos de potência, que se ligarmos 55 lâmpadas de
100 W ao mesmo tempo!
A energia elétrica consumida por um dado aparelho é calculada
pelo produto da potência (medida em kW, sendo 1 kW = 1000W)
pelo tempo de funcionamento (medido em horas).
O chuveiro do exemplo anterior ligado 0,5 h por dia, durante
30 dias, consome:
5,5 kW x 0,5 h x 30 dias = 82,5 kWh. Se cadakWh
cobrado pela companhia de eletricidade custar
R$ 0,20, então o custo mensal desse chuveiro será de
82,5 kWh x R$ 0,20 = R$ 16,50.

• Nunca aumente o valor do disjuntor ou do fusível sem trocar a
fiação. Conforme visto, deve haver uma correspondência entre eles.
• A menor bitola permitida por norma para circuitos de lâmpadas é
de 1,5mm2 e para tomadas é de 2,5mm2.
• Devem ser previstoscircuitos separados para iluminação e tomadas.
• Nunca inutilize o fio terra dos aparelhos. Ao contrário, instale um
bom sistema de aterramento na sua
residência.
• Nunca utilize o fio neutro (cor azul)
como fio terra.

• Recorra sempre aos serviços de um
profissional qualificado.

20



Introdução

Tensão
(volts)

Potência
máxima
(watts)

Bitola
do fio
(mm2)Disjuntor
máximo
(A)

iluminação

110

1.500

1,5

15

tomadas

110

2.000

2,5

20

tomadas

220

4.000

2,5

20

Tabela 1

chuveiros e torneiras elétricas

220

6.000

6

35

ar condicionado

220

3.600

4

25

• Consulte o Procobre para outras informações, publicações e cursos.

Eletrodoméstico

PROCOBRE
INSTITUTO BRASILEIRO DO COBRE
Av....
tracking img