Filosofia e sociologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (604 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Como pude indicar em resposta anterior, em plena era da informatização do trabalho, estamos conhecendo a época da informalização do trabalho, dos terceirizados, precarizados, subcontratados,flexibilizados, trabalhadores em tempo parcial, do subproletariado. Se, no passado recente, só marginalmente a classe trabalhadora presenciava níveis de informalidade, hoje é explosivo o índice dos que seencontram nessa condição, ou seja, dos que são desprovidos de direitos, fora da rede de proteção social e sem carteira de trabalho. Desemprego ampliado, precarização intensificada, arrocho salarialacentuado, perda de direitos, esse é o desenho mais frequente da classe trabalhadora. Mas atenção: a causa não é a tecnologia (que não tem vida própria), mas a lógica destrutiva do capital que comanda umadada forma de tecnologia.

Dou um exemplo claro: hoje a humanidade poderia trabalhar muito menos horas por dia (ou por semana), tendo um tempo ampliado fora do trabalho, capaz de se converterautenticamente em tempo livre. Mas para isso é imprescindível quebrar a lógica do capital, do mercado, do dinheiro, o que recoloca no centro do debate a questão de estruturar um movo modo de vida, um novosistema de metabolismo social que reponha o tema vital do socialismo. Uma breve mirada pelo cenário atual aponta para um século XXI com alta temperatura nas confrontações entre a totalidade do trabalhosocial e a totalidade do capital global, em suas multiplicidades de formas, em sua grande maioria articulando interesses de classe, gênero, etnia, gerações, que estamos vivenciando hoje empraticamente todos os continentes, da Ásia à Europa, do Oriente Médio à América Latina e à África, com suas particularidades e singularidades. Tudo muito distante do que o grotesco Fukuyama um dia chamou de fimda história.
 
Não concordo com a tese da transformação da ciência na principal força produtiva e muito menos de que ela seja autônoma. Esta concepção desconsidera um elemento essencial dado pela...
tracking img