Filosofia-verdade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (291 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Alguns filósofos desconfiam das condições relacionadas a crenças e opiniões estabelecidas em suas sociedades, assim esses estudiosos questionam o dogmatismo, idéia deque o mundo existe e é da forma como exatamente o percebemos. O dogmatismo é uma atitude que só pode ser rompida a partir do estranhamento, quando algo é questionadomesmo que aquilo lhe seja familiar. No texto “O Mito da Caverna de Platão” os humanos aprisionados acreditavam que o mundo era tal como viam e percebiam, sendo issopara eles uma verdade absoluta. Mas, o que é verdade?
A compreensão de verdade existente foi construída a partir de três concepções diferentes: a grega, a latina e ahebraica. Para os gregos a verdade é desocultamento, revelação, não esquecimento que em grego se diz alétheia. Em latim, a é emunah, verdade se refere a linguagem, aprecisão e o rigor de um relato. E em hebraico a verdade é confiança, se diz veritas. Contudo, dentre estas a que prevalece é a alethéia, pois se considera que averdade está nas coisas ou na realidade, o ser é o fundamento do sentido das coisas, só podemos compreender o sentido das coisas porque elas se mostram em seu ser.
Osfilósofos gregos afirmam que o erro, o falso e a mentira podem estar relacionas a aparência, como no mito, os humanos acreditavam que só poderia existir aquela realidade,visto que só entraram em contato com a mesma. Ou o erro, o falso e a mentira surgem na linguagem, quando se diz algo que não é, podem - se atribuir qualidades e/oucaracterísticas ou omiti-las. A verdade, no entanto, exige libertações da aparência e da linguagem para que se possa ver as coisas como realmente são e a essências delas.
tracking img