filme o nome da rosa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 6 (1384 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 12 de maio de 2015
Ler documento completo
Amostra do texto

igualitário ou social para uma sociedade.
O filme pode ser endereçado principalmente para professores e educadores, pois teria a importância de saber como se firmou o conhecimento através dos séculos, nos moldes da baixa idade média a fim de comparar com o contexto atual e indicado também para estudantes e a população em geral que estejam dispostos a entender um pouco da sociedade na épocamedieval, a transmissão dos costumes e como viva a sociedade na época retratada.
E por fim concluímos que o nome do filme: "O nome da Rosa" foi usado para significar o infinito poder das palavras, e esta representada pela antiga biblioteca de um convento beneditino (centro real do enredo), na qual estavam guardados, em grande número, códigos preciosos: parte importante da sabedoria grega e latina queos monges conservaram através dos séculos.isciplina: Técnicas de Trabalho Científico

Filme O Nome da Rosa
Globo Filmes e Produções

RESUMO:

Filme dirigido por Jean-Jacques Annaud, distribuído pela Globo Vídeo ou Flashstar Vídeo, produzido em 1986 nos países: França, Itália e Alemanha, possuindo uma duração de 130 minutos, classificado como gênero de policial/suspense, tendo como elenco principalSean Connery, F. Murray Abraham, Christian Slater.
Baseado no romance de Umberto Eco. Autor que nasceu no dia cinco de janeiro de 1932, na cidade de Alessandria, em Piemonte, na Itália. Famoso mundialmente por seus escritos sobre semiótica, estética medieval, comunicação de massa, lingüística e filosofia, ele também trilhou uma concreta trajetória como mestre de Semiótica na Universidade deBolonha, além de dirigir a Escola Superior de Ciências Humanas nesta mesma instituição. Ele também atuou como colaborador, ao longo de sua carreira, em várias publicações acadêmicas, autor de artigos de opinião nos jornais L’Espresso e La Repubblica. Na literatura ele iniciou em 1980, já com uma obra que o consagrou, O Nome da Rosa. Seguiram-se a este lançamento O Pêndulo de Foucault (1988), A Ilha doDia Anterior (1994) e Baudolino (2000).
A trama possui comopersonagens principais Willian de Baskerville que desempenha um papel de intelectual, humanista e racionalista (monge Franciscano incumbido de investigar as estranhas e misteriosas mortes que ocorrem no mosteiro). Adson Von Melk, na trama constitui um noviço que acompanha o monge (Willian) nas investigações dos estranhos crimes que ocorremno mosteiro. Bernardo Gui que é o grão inquisidor que chega ao local dos acontecimentos determinado a torturar qualquer suspeito de heresia que tenha cometido crimes em nome do diabo e Elza Baskin que mostra um pouco da violência sexual contra a mulher ocorrido na época.
A narrativa desenrola-se em torno de estranhas mortes que começam a ocorrer num mosteiro beneditino localizado na Itáliadurante a baixa idade média. O mosteiro guarda uma imensa biblioteca, onde poucos monges têm acesso às publicações sacras e profanas. Um monge Franciscano e Renascentista é designado de investigar os casos. Os mortos eram encontrados com a língua e os dedos roxos e, no decorrer da história, verificamos que eles manuseavam (desfolhavam) os livros, cujas páginas estavam envenenadas. Então, quem profanassea determinação de “não ler o livro”, morreria antes que informasse o conteúdo da leitura o que resultou na instalação do tribunal da santa inquisição. 
No filme o “tal” livro pagãoera um texto da Comédia de Aristóteles segunda parte da Poética. Seguindo o pensamento de santo Agostinho, os clérigos restringiam o acesso ao conhecimento. Porém os monges tinham um modo de vida bastante peculiar, sededicavam a traduzir e copiar livros, o que foi essencial na preservação e difusão na cultura clássica e nas obras religiosas. 
Com base nesses argumentos podemos considerar a biblioteca como o núcleo do mosteiro, sendo representado como um labirinto, um local secreto, onde o conhecimento nela existente não se dá a qualquer um. O saber como se pode observar no filme se mostra como algo que não é...
tracking img