Ficha de leitura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1368 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Referências Bibliográficas: Factores de Risco e Factores de Protecção ao Desenvolvimento Infantil: Uma Revisão da área; Maia, Joviane Marcondelli Dias; Williams, Lucia Cavalcantti de Albuquerque; Universidade Federal de São Carlos.
Ideia Principal: Este estudo tem como objectivo analisar a literatura existente onde se agrupam as mais diversas opiniões sobre os factores de risco e factores deprotecção ao desenvolvimento infantil.
O documento contém as palavras – chaves como: factores de risco, factores de protecção, desenvolvimento infantil, violência e resiliência.
Síntese: O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA, Lei Federal n. 8069, 1990) foi responsável por muitas mudanças no cenário brasileiro, nesse documento estão registados os direitos das crianças e dos adolescentes. Esteinstrumento é considerado de enorme importância para a protecção de crianças e jovens. Assim todos os profissionais que actuem na área da infância e da adolescência deverão ter conhecimento dos direitos nele estabelecidos e nunca poderão negligenciar esse conhecimento. Existem inúmeros factores de risco, que afectam directa ou indirectamente o crescimento e desenvolvimento infantil. Assume-se quefactores de risco são condições ou variáveis associadas à alta probabilidade de ocorrência de resultados negativos. Na busca sobre dados referentes a esta matéria as autoras verificam que, as definições sobre factores de risco são concordantes, vejam-se (Ramey Ramey: 1998), (Garmey:1985). Os autores estudados, referem que as crianças portadoras de determinados atributos biológicos e/ou sob efeitode determinadas variáveis ambientais têm maior probabilidade de apresentar distúrbio ou atraso no seu desenvolvimento, quando comparadas com crianças que não sofreram efeitos de tais variáveis (Ramey &Ramey:1998). Variáveis que, são os factores de risco. Os factores de risco são aqueles que, se presentes, aumentam a probabilidade de a criança desenvolver uma desordem emocional ou comportamental.Estes factores por si só, não constituem uma causa específica, mas dão indicativos para o inicio de um processo complexo, porque uma criança maltratada desenvolve sempre uma psicopatologia no decorrer da sua vida (Garmezy:1985).
Identifica-se que o abuso e a negligência têm efeitos profundamente negativos, ao longo da vida da criança, a negligência é o abuso que danifica em muito partes dosdomínios do desenvolvimento, como por exemplo: as áreas da cognição, linguagem, desenvolvimento emocional, entre outros. As crianças maltratadas, apresentam geralmente um deficit ao nível dos afectos, têm alguma dificuldade em gerir emoções.
No levantamento de dados nesta área, identificam-se muitos factores de risco, aos quais as crianças estão expostas, sendo os maiores factores de risco aqueles queestão associados à violência doméstica. Dentro da violência doméstica, existem várias modalidades de violência, como por exemplo, a violência física, que envolve maus tratos corporais de toda a espécie, deixando na criança marcas para toda a vida, segundo alguns dados, crianças sujeitas a este tipo de violência, têm tendência, mais do que aquelas que não foram sujeitas, a cometerem crimes maisviolentos na idade adulta.
Existe uma grande propensão para se pensar que os abusos físicos cometidos a bebés são em muito maior número, mas são também muito mais difíceis de provar, por factores inerentes à sua idade.
Segundo alguns estudos, a personalidade dos pais está directamente associada aos comportamentos abusivos com os filhos. Estes pais estão ligados a um passado também ele de grandeabuso, negligência e violência. O factor negligência acontece quando a criança é privada de alguma coisa que necessite, sendo isso um factor importante para o seu desenvolvimento, os efeitos negativos desta privação, podem levar à desnutrição, ao atraso geral no desenvolvimento, podendo em situações extremam levar à morte.
A violência psicológica também existe, afectando o lado emocional da...
tracking img