Fanatismo religioso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4950 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Católica de Pernambuco

Trabalho de Humanidade e Transcendência
FANATISMO RELIGIOSO

Grupo:
* Alexandre Sette
* Carlos Lemos
* Dianacris Monteiro
* Igor Leandro
* Rebeka Menezes
* Renato
* Vanessa Oliveira

Turma: NA5

Professor: Vanderlei Lain

Recife
7 de Junho de 2011
INTRODUÇÃO

Fanatismo em Geral:
Antes de começar a falar sobre ofanatismo religioso em sí, eu acho apropriado falar sobre o fanatismo em geral. Existem diversos tipos de fanatismo, por futebol, por filme, por várias coisas, porém, existe uma grande diferença entre um fanático por televisão e um nazista fanático, e foi nessa diferença em que focamos o trabalho.
Palavra e significado:
Antigamente quando a palavra fanatismo ainda possuía sua grande intensidade econteúdo, ela era utilizada para denominar pessoas extremistas e acríticas de uma causa religiosa ou política. Que é o significado que encontramos no dicionário. Porém atualmente a palavra está muito usual, e por isso não nos preocupamos como deveríamos em relação a esse assunto.
Motivos e consequências:
O perigo de um fanático consiste na certeza absoluta e incontestável que ele tem arespeito de suas verdades, ou seja, uma verdade supostamente revelada pelo seu Deus, sendo assim não é apenas uma verdade, mas a verdade. O fanático não aceita questionamento, pois para ele não há como contrapor idéias de meros mortais com as de origem divina. Mas também existem alguns grupos de fanáticos foram mobilizados por homens, temos como exemplo Hitler e Osama Bin Laden, mas a diferença é queeles eram cultuados como Deuses, portanto as suas palavras não podiam ser contestadas. Nesse trabalho vamos analisar como é que a exaltação leva indivíduos ou grupos a praticar atos violentos contra outras pessoas (prejudicando significativamente a liberdade e atentando contra a vida), baseados como eu já falei na intolerância e na crença em verdades absolutas.

Palavras de um escritor:
Osfanáticos como explica Amós Oz, são “aqueles que acreditam que o fim, qualquer fim, justifica os meios”. O que isso significa? É que eles acham que justiça é mais importante do que a própria vida. Mas o que é justiça para um fanático? São seus valores, suas convicções e crenças. Portanto, fanáticos são aqueles que, se eles julgarem algo sendo mau, vão procurar eliminá-lo, junto com seus vizinhos.Atualmente(OBS):
Uma observação a se fazer importante é que nesse contexto, no século 21, identificamos sinais de fanatismo como um atentado aos direitos humanos, que já adquiriu um caráter universal. Portanto, há o reconhecimento do direito à vida. Se é reconhecido o direito à vida e o mundo está como está, imagine o contrário.

Tipos de Fanatismo:
Existem diversos tipos de fanatismo, emcontextos diferentes, mas que resultam em uma mesma consequência.
* Fanatismo Religioso: As religiões, que em princípio, deveriam servir para aperfeiçoar o ser humano, aproximando-o da divindade tem sido responsáveis por manifestações fanáticas, massacres, guerras, perseguições, intolerância e outras práticas deploráveis, são muitas vezes feitas em nome de Deus. O Problema é que os que crêemacreditam que são os únicos a possuir uma religião verdadeira, um Deus certo.
* Fanatismo Político: Violência contra opositores, manifestações de maneira opressiva e terrorista.
* Fanatismo Racista: É contra negros, semitas, orientais, etnias que se apresentam em minoria em determinado lugar. Provocou e provoca muito derramamento de sangue.
* Fanatismo Esportivo: Torcer por este ou poraquele time, que deveria ser algo saudável e divertido é pretexto para ser fanático, gerando violência contra torcedores de outros times.
* Fanatismo Machista: Gera violência contra homossexuais e mulheres.

Fanatismo Religioso
Cruzadas:
O fanatismo em todas as épocas esteve incluído em processos políticos, econômicos e sociais. Assim as tradições e as praticas religiosas são...
tracking img