Experimental

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2049 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA
DEPARTAMENTO DE QUÍMICA FUNDAMENTAL

EXPERIMENTO Nº2
UMA INTRODUÇÃO AO MÉTODO CIENTÍFICO

ALUNO: Andressa Ilana Soares Galdino.
TURMA: E3.
PROFESSOR: Jefferson.

RECIFE, 10 DE SETEMBRO DE 2010.
SUMÁRIO

1- INTRODUÇÃO
2- MATERIAIS E MÉTODOS
2.1 PROCEDIMENTO
3- RESULTADOS EDISCUSSÕES
4- CONCLUSÕES
5- REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
6- ANEXO 1 – QUESTÕES

INTRODUÇÃO

O método científico é um conjunto de regras básicas para desenvolver uma experiência a fim de produzir novo conhecimento, bem como corrigir e integrar conhecimentos pré-existentes. Na maioria das disciplinas científicas, consiste em juntar evidências observáveis, empíricas (ou seja, baseadas apenas naexperiência) e mensuráveis, e as analisar com o uso da lógica. Para muitos autores o método científico nada mais é do que a lógica aplicada à ciência.
Primeiramente, definem-se proposições lógicas ou suposições (hipóteses) para explicar certos fenômenos e observações, e só então se desenvolvem experiências que testem essas hipóteses. Se confirmadas, as hipóteses podem gerar leis e teorias. Além disso, oprocedimento precisa ser documentado para que outras pessoas possam re-analisar, reproduzir e verificar a confiabilidade dos resultados.
O método científico é composto dos seguintes elementos:
* Caracterização - Quantificações, observações e medidas.
* Hipóteses - Explicações hipotéticas das observações e medidas.
* Previsões - Deduções lógicas das hipóteses.
* Experimentos - Testesdos três elementos acima.
A observação pode ser simples, isto é, feita a olho nu, ou pode exigir a utilização de instrumentos apropriados. O experimento tem que ser capaz de ser reproduzido e, as hipóteses precisam ser válidas para observações feitas no passado, no presente e no futuro.
Para o estudo da introdução aos métodos científicos, foi realizada a experiência da “garrafa azul”,selecionada por ser segura, de execução simples e exigir elementos de baixo custo e fáceis de serem obtidos. Ela segue fielmente os métodos descritos acima.

MATERIAIS E MÉTODOS

• Materiais – Utilizou-se dos seguintes materiais para o experimento:
- Reagentes: Um líquido desconhecido, gás nitrogênio e gás oxigênio.
Periculosidade dos reagentes:
- Líquido desconhecido: por não se ter conhecimentodo que se trata nada se pode dizer dos seus riscos.
- gás nitrogênio: Gás não inflamável. Medidas preventivas imediatas:
 Evitar contato com o líquido.
- Gás oxigênio: Gás não inflamável. Medidas preventivas imediatas: Evitar contato com o líquido. Manter as pessoas afastadas. Parar o vazamento se possível.
-Instrumentos: Dois balões de erlenmeyer e duas rolhas.
- Equipamentos: Bomba deoxigênio e bexigas com nitrogênio gasoso.
• Métodos – A seguir estão presentes, detalhadamente, os métodos utilizados ao longo do experimento:
2.1 PROCEDIMENTOS

De início, foi recebido um balão de erlenmeyer contendo um líquido desconhecido tapado com uma rolha. O líquido, de viscosidade pouco acima da água, era incolor e com uma fina superfície azulada. À primeira vista, nada poderia ser concluídosobre a substância. Então se seguiu adiante com um exame mais profundo. Agitou-se vigorosamente o frasco até que o líquido alcançasse a rolha e se percebeu que a superfície azulada aos poucos adentrava na parte incolor tornando-o por completo azul e, após um curto período de tempo, tornava a ser incolor.
Destas observações iniciais vieram especulações: que líquido poderia ser este? O que tornavao líquido azul e, posteriormente, incolor?
Formulou-se então, quatro hipóteses:
H1: O líquido fica colorido ao entrar em contato com a rolha, que parece impregnada de uma substância azul.
H2: Quando o líquido é agitado, aumenta muito o seu contato com as paredes do frasco. Isto torna o líquido azul.
H3: A agitação aumenta a energia térmica das moléculas, e isto produz a cor azul.
H4:...
tracking img