Etica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3037 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIÃO METROPOLITANA DE ENSINO

SISTEMA DA INFORMAÇÃO



Ética e Moral

CAMILA SANTOS, PALOMA BRITO, RODRIGO LOBATO, PAULO GOMES, GILVANEI LIMA e TAWÃ CAIXÊTA




LAURO DE FREITAS
2012

CAMILA SANTOS, PALOMA BRITO, RODRIGO LOBATO,PAULO GOMES,GILVANEI LIMA e TAWÃ CAIXÊTA



Trabalho feito pelos alunos de Sistema da Informação, 2º semestre, noturno como método deavaliação da disciplina Ética Política e Sociedade orientada pelo Docente Jailson Cunha Costa.

Lauro de Freitas
2012

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO 4
FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 5
MAPA CONCEITUAL 14
CONCLUSÃO 15
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICA 16


INTRODUÇÃO

A proposta deste trabalho é demonstrar, de forma rápida, as fundações do pensamento político, iniciando pelo sentido dapalavra ética, nos detendo no estudo das lições de Moral e Ética.
Para o homem grego, a ética era o caminho a ser seguido. Ele buscava na ética, a estética da sua existência. Acreditava-se que o homem se transformava eticamente na medida em que se tornava parte do cosmos. Para Marilena Chauí a ética seria a educação da nossa vontade pela razão para a vida bela justa e feliz para a qual estamostodos destinados. Afirma que é necessária a educação da nossa vontade pela razão, que, recebendo a educação racional nos ajuda a escolher entre o bem e o mal para a vida bela, feliz e justa para a qual todos estaríamos destinados.

Moral, podemos dizer que se trata do conjunto de valores, é relativa aos costumes ao tempo e ao lugar.
A filosofia moral se tem inicio a partir do pensamentosocrático, que indagava as pessoas a modo de demonstrar ao indivíduo através de perguntas a sua ignorância, e partir disso construir premissas verdadeiras.
Nosso comportamento e nossas decisões estão relacionadas ao ambiente em que se vive (sociedade) e ao tempo, orientam cada indivíduo, norteando as suas ações e os seus julgamentos sobre o que é moral ou imoral, certo ou errado, bom ou mau.
Sócratesfazia as pessoas indagar sobre os dogmas impostos pela sociedade, verdades certas, inquestionáveis e não sujeitas a qualquer tipo de revisão ou crítica, o que eram e de onde vinham.
Perguntava aos atenienses qual o sentido dos costumes estabelecidos,  e também o que leva as pessoas a respeitarem ou desrespeitarem os valores estabelecidos e o por quê.
Sócrates é considerado  como o pai da filosofiamoral,  levava a importância da razão para a ação moral, identificando conhecimento e virtude bem como ignorância e vício tornava impossível o livre arbítrio
Se devemos a Sócrates o início da filosofia moral, devemos a Aristóteles a distinção entre saber teórico e saber prático. O saber teórico de refere ao conhecimento sem a nossa intervenção, o saber pratico existe através de nossa ação, a éticapor exemplo, é um saber prático.
Todo ser humano tem uma de consciência moral, que o faz diferenciar o certo do errado o bom do ruim, capaz de avaliar suas ações.Aristóteles definiu o campo das ações éticas pela virtude do bem, da obrigação tendo a decisão, deliberação ou escolha dos acontecimentos de ser ou não ser através de nossa vontade e da nossa ação. Essa vontade tinha que partir darazão, ele trouxe essa ética de Sócrates, tendo a virtude como condição, sendo prudente para analisar uma determinada situação que agradasse a todos.
Os três grandes princípios da vida moral:
1. por natureza, os seres humanos aspiram ao bom e à felicidade, que só podem ser alcançados pela conduta virtuosa;
2. a virtude é uma excelência alcançada pelo caráter definido pela vontade guiada pela razão= controle sobre os instintos/paixões irracionais descomedidos
3. conduta ética sabe o que é possível ou não realizar, portanto, não se deixa levar pelas circunstâncias, nem por vontade alheia, mas afirma nossa independência e nossa capacidade de autodeterminação
Uma pessoa ética reflete suas decisões em uma determinada situação, de acordo com sua virtude, apetites desejos e paixões não...
tracking img