Estudo de caso pesquisa operacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1797 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PANIFICADORA SUPERMASSA | |
| |
|Uso da Pesquisa Operacional, através de suas técnicas de Programação Linear e|
|Transporte, facilitado pelo uso de uma de suas ferramentas computacionais, o |
|software LINDO, para a resolução de problemas gerenciais da panificadora |
|Supermassa, tendo como cerne a maximização dolucro. |
| |
| |
| |
| |
||
| |







Nenhuma entrada de sumário foi encontrada.

Introdução



A Pesquisa Operacional, considerada importante ciência, atuando como alicerce no processo de tomada de decisão, será utilizada pela equipe de gestores da Panificadora Supermassa, através de suastécnicas e ferramentas, de modo a resolver dois importantes questionamentos da empresa, um relativo à produção e outro à distribuição de dois de seus principais produtos.




































A Empresa



A Panificadora Supermassa é uma empresa baiana, fundada há 18 anos, consolidada no mercado, conceituada em seu ramo de atividade, o qual se tratada produção de artigos de patifaria, bolos, doces e tortas. 
A empresa dispõe de três sedes próprias, distribuídas na Região Metropolitana de Salvador. A Supermassa atua em duas linhas, a distribuição de seu produto em varejo, oferecidos em sua loja própria, todas as sedes possuem estrutura de padaria, para a venda de seus produtos diretamente ao consumidor final e café, ambiente agradável ondeos clientes são servidos no próprio local. A venda no atacado se dá através da distribuição de seus produtos para clientes revendedores. A panificadora Supermassa possui três clientes de grande porte, sendo dois deles padarias e um supermercado. Todos localizados em Salvador. A distribuição a esses clientes se dá de modo regular e periódico.





OrganogramaSituação Problema 1 – Aplicação da programação Linear

A Cozinha Pan da panificadora Supermassa fabrica dois produtos, com o intuito de facilitar este estudo, denominamo-los de produtos A e B. O produto A refere-se ao salgado Baurú e o produto B ao salgado Calzone. Tratam-se de produtos bastante distintos, refletindo em consideráveis diferenças de tempo necessário ao seu preparo,tempo este dividido entre a confecção do alimento e seu assamento.

A produção de um centro de produtos do tipo A demanda de 42 minutos para a sua preparação e mais uma hora e meia para sua fornada. Enquanto a mesma quantidade de produto do tipo B, requer 45 minutos para a sua preparação e 42 minutos para a fornada. O setor de produção da empresa opera durante oito horas diariamente, estandodurante esse período disponível para a confecção dos salgados, e 6 horas diárias para que se asse a produção, considerando que o forno deve ser pré-aquecido e monitorado durante duas horas prévias ao assamento.

Toda a produção é vendida. O lucro auferido com a venda de cem unidades do produto A é de R$256,50 e de R$189,00 para o produto B.

O grande questionamento da gerência da Supermassa é sobrea viabilidade de continuar-se a produzir e, caso sim, em qual quantidade o produto B, de modo a que o lucro obtido seja o máximo possível. Considerando que os recursos são escassos e a o aumento da produção de um produto, neste caso, implica na redução da produção de outro. Uma vez que a empresa não possui condições de, por hora, aumentar sua capacidade operacional.

Quadro demonstrativo do...
tracking img