Estresse infantil no rendimento escolar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 75 (18746 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumário

Introdução 10
Capítulo 1: Apontamentos sobre o desenvolvimento da criança 13
1.1 - A criança enquanto ser histórico-social 14
1.2 - A criança enquanto ser biopsíquico 20
Capítulo 2: Estresse: Um processo dinâmico 27
2.1 - Histórico, definições e processos. 27
2.2 - Eventos geradores de estresse: os estressores 31
2.3 - A resposta de estresse 35
2.4 - A vulnerabilidade aoestresse e as estratégias de coping 42
Capítulo 3 : O estresse infantil 49
3.1 - Os estressores na infância 53
3.2 - As respostas de estresse e os sintomas na criança 59
3.3 - A vulnerabilidade e as estratégias de coping na criança 64
3.4 - A família enquanto fonte de estresse para a criança 66
3.5 - A escola enquanto fonte de estresse para a criança 70
Discussão 76
Considerações Finais 79Referências Bibliográficas 82
ANEXO A : ESCALA DE STRESS INFANTIL (ESI) 85
ANEXO B : ESCALA DE FONTES ESTRESSORAS NA CRIANÇA 87
Apêndice 89

introdução

As vertiginosas e constantes transformações, ocorridas em todos os âmbitos da vida na sociedade contemporânea, criam condições propícias para o aparecimento do estresse. Este tem sido definido como um estado psicofisiológico no qual oorganismo se encontra, na tentativa de adaptar-se a um desequilíbrio gerado por determinadas situações ou condições; trata-se de um fenômeno complexo, que abarca variáveis físicas, psicológicas e ambientais.

O estresse pode trazer consequências drásticas para a vida do indivíduo, afetando sua saúde, seu bem estar psicológico, suas relações interpessoais, seu desempenho acadêmico e/ouprofissional. Embora a temática aludida tenha se constituído, já há algum tempo, em importante foco de estudo, o tema relativo ao estresse infantil passou a ser investigado recentemente e vem merecendo cada vez mais trabalhos e pesquisas, haja vista ser alvo decrescentes preocupações, em decorrência dos danos que pode trazer também para vida dos pequenos.

O tempo de ser criança, com asidiossincrasias próprias desse período, tem dado lugar na contemporaneidade, a crescentes exigências de antecipação rumo ao mundo adulto, num contínuo “vir a ser”, equivocadamente considerado mais importante do que o momento presente. Deparando-se com a realidade social, tem-se que a figura do “adulto em miniatura” é uma presença cada vez mais desejada e estimulada na contemporaneidade, onde asobrevivência dos mais pobres e a desenfreada competitividade dos mais abastados têm usurpado muito dos direitos da infância, como por exemplo, o tempo de brincar cada vez mais restrito e subordinado às atividades do mundo adulto.

Pesquisas apontam que as crianças em idade escolar estão estressadas um quadro típico de adultos. Contudo, questiona-se: crianças pré-escolares, cuidadas em instituiçõesinfantis, estão também apresentando sinais de estresse? Quais são os sintomas predominantemente apresentados por elas? Quais são as condições que desencadeiam esse quadro? De que maneira a criança lida com tais condições?

Responder a essas questões constituiu-se em tarefa primordial no presente trabalho, que objetivou a identificação de quadros de estresse em crianças pré-escolares, oreconhecimento dos principais sintomas apresentados, a avaliação das fontes estressoras e das estratégias de enfrentamento. Acredita-se que um estudo de tal natureza possa trazer esclarecimentos acerca de um tema ainda pouco explorado na segunda infância, permitindo a conscientização e compreensão dos problemas vivenciados pela criança pequena e auxiliando pais, educadores e outros profissionais alidarem com as situações decorrentes desse processo, por meio de medidas de prevenção e intervenção adequadas.

Considerando a criança como um ser integral, indissociavelmente biológico, psíquico e social, a pesquisa ora realizada empreendeu esforços no sentido de compreender o estresse na infância de maneira contextualizada, abrangente e integrada, percorrendo caminhos que visassem à...
tracking img