Estatuto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2905 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Curso de Serviço Social do Centro de Educação à Distância da
Universidade Anhanguera – UNIDERP

Polo de Apoio Presencial de Ponta Porã – MS.

CRISTIANE DE MATOS BALSALOBRE RA: 403977
JOZE ENILDA CORRÊA DA ROSA RA: 402063
KARLA FERNANDA SOARES RA: 4O4559

SOCIOLOGIA

PONTA PORÃ-MS, novembro de 2012.Curso de Serviço Social do Centro de Educação à Distância da
Universidade Anhanguera – UNIDERP

Polo de Apoio Presencial de Ponta Porã – MS.

CRISTIANE DE MATOS BALSALOBRE RA: 403977
JOZE ENILDA CORRÊA DA ROSA RA: 402063
KARLA FERNANDA SOARES RA: 4O4559

SOCIOLOGIA
Trabalho elaborado para fins avaliativos na disciplina de Sociologia no 2º semestre deServiço Social sob a orientação da Profª Luciana Haddad Ferreira e da Tutora Presencial Elaine Cristina França Tavares Flor.

PONTA PORÃ-MS, novembro de 2012.


Curso de Serviço Social do Centro de Educação à Distância da
Universidade Anhanguera – UNIDERP

Polo de Apoio Presencial dePonta Porã – MS.

DESAFIO



Curso de Serviço Social do Centro de Educação à Distância da
Universidade Anhanguera – UNIDERP

Polo de Apoio Presencial de Ponta Porã – MS.
Relatório 1

Um dos grandes problemas que temos hoje na nossa sociedade está ligado à falta de respeitopelos direitos que todos os seres humanos têm, ou que ao menos deveriam ter. Por isso, em dois momentos e situações diferentes foram criados dois documentos buscando garantir os direitos, em especial a liberdade dos seres humanos, independente de cor, credo, religião, etc.
No ano de 1776, pouco depois dos Estados Unidos declararem sua independência da Inglaterra, no estado da Virgínia foicriada a Declaração dos Direitos da Virgínia. Naquela época, era preciso deixar claro como o cidadão seria tratado. Quase dois séculos depois, terminada a Segunda Guerra Mundial, surge um órgão internacional conhecido como Organização das Nações Unidas (ONU), que se torna responsável pela Declaração Universal dos Direitos Humanos (1948).
A Declaração dos Direitos da Virgínia, além de buscargarantir o direito à liberdade, vem com uma discussão importante já para aquele momento da história dos Estados Unidos, debater e garantir o direito à democracia. Para isso, coloca fim, por exemplo, nos direitos ou privilégios individuais no serviço público e proíbe a hereditariedade para os representantes do povo. Interessante também, que já naquele ano, fica claro que haveria eleições e que o povodeveria escolher o seu representante de acordo às suas propostas e necessidades. A Declaração deixa claro também que se os representantes do povo não agir para o bem de todos deve ser trocado. Em caso de crime, todo cidadão tem direito de ser julgado de forma justa por pessoas da sociedade, que compõem o júri.
Já a Declaração Universal dos Direitos Humanos, escrita em 1948 além dedefender os direitos inatos aos seres humanos, ela busca fazer o governo de todos os países respeitarem e fazer valer em seus países todos os artigos da Declaração. Além do mais, em várias partes da


Curso de Serviço Social do Centro de Educação à Distância da
Universidade Anhanguera –UNIDERP

Polo de Apoio Presencial de Ponta Porã – MS.

Declaração dá para ver que o documento é bastante voltado para a política, para também garantir uma relação amistosa entre todos os países. Diferente da Declaração da Virgínia, esta diz que todo individuo tem que se esforçar através da educação para promover respeito, mesmo sendo todos sendo iguais em dignidade e direitos.
É a Declaração...
tracking img