Estatistica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (355 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DE ECONOMIA, UNIVERSIDADE DO PORTO. ANO LECTIVO 2006/2007
 

   
ESTATÍSTICAS E
INDICADORES DE COMÉRCIO EXTERNO
Nota prévia:
O texto que se segue tem porúnico objectivo servir de apoio às aulas das disciplinas de
Economia Internacional na Faculdade de Economia da Universidade do Porto, não tendo
qualquer pretensão de cobrir exaustivamente o tema.Adoptando uma estrutura bastante informal,
pretende-se proporcionar aos alunos uma breve explicação do significado e possível utilização
dos indicadores de comércio externo mais comuns na literatura.Esta é a primeira revisão do texto inicialmente escrito em Outubro de 2003. Esse, por sua vez,
havia utilizado como base de trabalho notas mais ou menos dispersas preparadas por vários dos
docentesque ao longo das últimas duas décadas leccionaram a disciplina de Economia
Internacional nas licenciaturas em Economia e em Gestão. Não existe, por isso, para este texto
um autor ou conjunto deautores identificáveis. Ainda assim, cabe ao autor da actual versão a
exclusiva responsabilidade por qualquer erro, incorrecção ou omissão.
FEP.UP e Porto,
10 de Fevereiro de 2006
Francisco BarrosCastro
2
INTRODUÇÃO
Nas diferentes teorias das trocas internacionais está, implícita ou explicitamente, sempre presente
o fenómeno da especialização internacional. Este conceito procura realçar aocorrência de uma
divisão do trabalho entre países, a qual se exprime nos saldos positivos ou negativos dos vários
ramos de actividade em termos de comércio internacional.
A noção de especialização éimportante para que tenhamos presente que optar pela produção e
exportação de um determinado bem poderá implicar a renúncia à produção de outro ou outros
bens e consequente importação dos mesmos. Maisainda, este fenómeno resulta normalmente
num acréscimo de riqueza para todos os países participantes, um resultado aparentemente contraintuitivo
e, como tal, nem sempre fácil de demonstrar.
A...
tracking img