Esclerometria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (803 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
F1
CONCRETO ENDURECIDO

AVALIAÇÃO DA DUREZA SUPERFICIAL
ESCLERÔMETRO DE REFLEXÃO
MÉTODO NÃO DESTRUTIVO - NBR 7584

DEFINIÇÃO:
Método não destrutivo que mede a dureza superficial doconcreto, fornecendo elementos para a avaliação da qualidade do concreto endurecido.

ÍNDICE ESCLEROMÉTRICO:
Valor obtido através de um impacto do esclerômetro de reflexão sobre umaárea de ensaio, fornecido diretamente em porcentagem.

ÁREA DO ENSAIO:
Região da superfície do concreto em estudo.

APARELHAGEM:
Consiste fundamentalmente de uma massa marteloque é impulsionada por mola que se choca através de uma haste com ponta em forma de calota esférica, com a área de ensaio.

AFERIÇÃO DO ESCLERÔMETRO:
Tempo e uso alteram a qualidade dasmolas produzindo desgaste e aumento do atrito entre as partes deslizante moveis. A aferição deve ser periódica, utiliza-se uma bigorna de aço maciço especial. Devem ser feitos pelo menos 9 impactos nabigorna. Para a aferição e como resultado deve se obter-se índice esclerométrico médio > 75%. A variação entre os 9 impactos deve ser de um para o outro de no máximo ± 3

EXECUÇÃO DO ENSAIO:As superfícies de concreto devem ser secas, limpas e preferencialmente planas. Superfícies irregulares não fornecem resultados homogêneos.

F2
Superfícies úmidas devem serevitadas. Desviar as bordas, agregados, armaduras etc.

IMPACTOS:
No mínimo 5 no máximo 16 em uma área de 20 x 20 cm. Aconselha-se nove impactos na área de ensaio em caso de agilizar o ensaio.|5 impactos | |9 impactos | |16 impactos |
|1º| |2º | |1º |

A distancia mínima entre o centro de 2 impactos é de 3 cm do centro dos impactos. Não é permitido mais de um...
tracking img