Entrada e saida de dados

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6512 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ENTRADA E SAÍDA


Conteúdo


I - DISPOSITIVOS EXTERNOS 4

Dispositivos Externos 4

Teclado/monitor de vídeo 6

Unidade de disco 9

2 – MÓDULOS DE E/S 10

Função do módulo de E/S 10

Estrutura do módulo de E/S 12

3 – E/S PROGRAMADA 13

Visão geral 13

Comandos de E/S 14

Instrução de E/S 14

4 – E/S DIRIGIDA POR INTERRUPÇÃO 16

Aspectos de projeto17

Controlador de interrupções Intel 82C59A 18

A interface de periféricos programável Intel 82C55A 18

5 – ACESSO DIRETO Á MEMORIA (DMA) 20

Funcionamento da E/S por acesso direto à memória (DMA) 20

O mecanismo de DMA pode ser configurado de diversos modos 21

6 – CANAIS E PROCESSADORES DE E/S 23

A Evolução da função de E/S 23

Características dos Canais de E/S 237 – A INTERFACE EXTERNA: SCSI E FIREWIRE 25

Tipos de Interfaces 25

Configurações ponto a ponto e multiponto. 25

Interface de sistemas de computação pequenos (SCSI ) 26

Versões da SCSI 26

Sinais e Fases 26

Barramento Serial FireWire 28

Mais informações sobre o barramento FireWire 29

REFERÊNCIAS BILIOGRÁFICAS 30







I - DISPOSITIVOS EXTERNOSA arquitetura de E/S de um computador é projetada para permitir um controle sistemático da interação com o mundo exterior e fornecer ao sistema operacional as informações de que ele necessita para gerenciar a atividade de E/S de maneira efetiva.

Técnicas principais de E/S:

• E/S programada: a E/S é efetuada sob controle direto e continuo do programa que requisitou a operação E/S;• E/S dirigida por interrupção: o programa envia o comando E/S, o programa será executado até que haja uma interrupção gerada pelo hardware de E/S, assim terminando a operação de E/S requerida;

• Acesso direto à memória ( DMA - direct memory access ): a E/S é controlada por um processador especializado de E/S, que se encarrega de transferir os blocos de dados;

Alem doprocessador e da memória, existe um terceiro elemento fundamental para o funcionamento do computador, que seria o conjunto de módulo de E/S. Tem a função de conectar seus módulos com os barramento do sistema e controla os dispositivos periféricos.

O modelo E/S contem uma lógica que dedica a desempenhar a função de comunicação entre o periférico e o barramento.

Existe uma grande variedade deperiféricos, com diferentes mecanismos. Uma característica importante dos periféricos e sua taxa de transferência de dados que é bem menor do que a própria transferência da memória ou do processador, outra característica é o uso de formatos de dados e tamanhos de palavras diferente dos usados no computador ao qual estão conectados. Por essas razões é requerido um modelo E/S, que tem suas funçõesprincipais:

• Através do barramento do sistema, fornece uma interface com o processador e a memória.

• Através de conexões de dados adequados, permiti a interface de vários periféricos.




Dispositivos Externos



As operações de E/S são efetuadas por meio de grande variedade de dispositivos externos, que oferecem um meio para troca de dados entre o ambiente externoe o computador. Um dispositivo externo é conectado ao computador através de uma conexão de modelo E/S, usada para transferência de dados e informações de controle. Esse dispositivo também é chamando de dispositivo periférico ( ou periférico ). Eles são classificados em três tipos de dispositivo voltado para comunicação com:



• O usuário.

Ex.: Monitores, Impressoras.•A maquina

Ex.: Sensores e os controladores usados em aplicações de robótica.

•Dispositivos remotos

Ex.: São dispositivos voltados para a comunicação com o usuário, um terminal, comunicação interna ou outro computador.

[pic]

A interface com o modulo E/S é constituída de sinais de:

• Controle: Determina a função a ser executada pelo dispositivo

Ex.:...
tracking img